Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMI O CUZINHO DA VIRGENZINHA!

Moro num condomínio de apartamentos em brasília. Tenho 38 anos e casado mas trabalho muitas vezes de casa. Num desses dias estava trabalhando quando a tarde bateram a minha porta. Fui abrir e era uma jovem por volta dos 20 anos, loira, com o rosto proporcional. Nem bonita nem feia mas de alguma forma ela era atraente. Ela queria saber se eu sabia onde estaria Marta - minha vizinha - pois ela teria esquecido uma sacola na casa dela e voltou pra pegar mas ninguem atendia a porta. Eu disse a ela que realmente nao sabia mas se ela quisesse esperar um pouco na minha casa poderiamos ligar ou entao tentar novamente em alguns minutos.



Ela prontamente aceitou pois disse que precisava realmente da sacola e teria que esperar. Pedi pra ela ficar a vontade e se sentar no sofá. Peguei o telefone e tentei ligar pra Marta mas realmente ninguem atendia. Começamos a conversar pra passar o tempo e reparei que ela era realmente meiga e atraente. Traços finos e delicados, super branquinha e estava de saia o que deixava suas pernas bem feitas a mostra.



Quando trabalho de casa fico bem a vontade e estava usando uma bermuda bem frouxa e sem cueca. Meu primeiro pensamento foi a preocupacao de ficar de pau duro e a moça perceber entao tratei de nao ficar dando asas a minha imaginacao e nem ficar olhando muito detalhes nela. Bem, passados alguns minutos ela me perguntou se podia usar o banheiro e me levantei e fui mostrar o caminho do banheiro e no corredor ela passando por mim sem querer esbarrou na minha bermuda com as costas da mao. Fiquei sem graça pois apesar de nao estar de pau duro deu pra perceber claramente que estava sem cueca. Ela sá se desculpou e foi ao banheiro. Quando ela voltou fiquei chocado quando ela tocou no assunto e perguntou se eu estava sem cueca. Eu disse que sim, que era mais confortavel ja que estava na minha casa e nao pretendia sair. Pra meu espanto ela disse que tinha achado gostoso tocar em mim e pediu se poderia tocar novamente. Aquilo me deu um gelo na barriga e me pegou de surpresa. Mas ao mesmo tempo gostei da ideia e nem quis pensar nas consequencias. Eu disse, que sim e que nao teria problema já que nao arrancaria pedaço. Ela se aproximou e alisou meu pau por cima da bermuda que imediatamente deu sinal de vida. Ela alisou mais um pouco e já foi colocando sua mao dentro de minha bermuda. Nesse ponto eu já estava duríssimo e ela disse que nao queria fazer nada e que nao era nada disso que eu estava pensando.



Eu falei que tudo bem mesmo por que eu era casado e nao queria me comprometer. Ela disse que tambem nao queria se comprometer mas que nao sabia explicar o que deu nela mas ela sentiu uma vontade incrível de pegar no meu pau. Disse que tambem era virgem e que nada poderia acontecer de qualquer jeito. Eu apenas disse que claro que nao iria acontecer nada e tentei beijá-la mas ela nao deixou. Fiquei entrigado e meio que sem saber o que dizer.... pedi a ela pra chupar mas ela disse que nao tambem que nunca tinha feito e que nao faria aquilo comigo de jeito nenhum. Eu fiquei mais perdido ainda mas ela pediu pra eu sentar no sofá o que fiz prontamente. Ela começou a me punhetar e nao demorou muito disse que queria gozar ela olhou em volta, pegou um cinzeiro que tinha na mesinha de centro e punhetou meu pau rigorosamente na direcao do cinzeiro. gozei uma grande quantidade e nao caiu nem uma gota fora. Fiquei sem palavras depois de gozar e ela com um sorriso no rosto acabava de espremer as ultimas gotas de porra do meu pinto já meio amolecido.



Eu tentei novamente beijá-la mas ela disse que nao adiantava que nao iria ceder. eu estava numa situacao dificil pois estava na minha casa, nao poderia forçar a barra pois se ela gritasse eu estaria exposto a problemas. Estava alí com o pinto na mao de uma estranha que nao queria fazer nada alem de pegar no meu pau... estava muito confuso. Aí ela disse que eteria uma forma de eu retribuir a punheta. Eu emendei logo: como??? ela disse que eu podeira brincar com o cuzinho dela.... quando ela falou isso eu quase pirei! deu um gelo na minha barriga e meu pau começou a ficar duro de novo... ela foi logo tirando a calcinha por baixo da saia e pude ver a coisa a buceta mais linda que já vi até o dia de hoje. era fechadinha, parecendo um grao de café e com muito poucos pelinhos louros e curtinhos. ela disse que se eu tocasse uma vez sequer na buceta dela ela iria parar na hora e contaria pra Marta que eu teria tentado estupra-la. Fiquei chocado mas ao mesmo tempo concordei. Ela parecia decidida e sabia o que falava. Ela virou-se e ficou de quatro pra mim. A sensaçao que tive é que iria gozar sá de tocar aquele cuzinho lindo. Todo rosinha, sem pelo e minúsculo. Falei pra ela esperar que iria pegar algo pra lubrificar e como nao tinha nada, fui a cozinha e peguei a lata de azeite. Pinguei uma gota de azeite naquele botaozinho rosado e fui massageando levemente com o dedo. Ela gemia baixinho e dizia que estava gostando muito pra eu nao parar e para manter o trato de nao tocar na buceta dela. Fui massageando aquele cuzinho e enfiando a ponta do meu dedo indicador. Ela parecia saber o que fazia tambem pois o cuzinho dela engolia meu dedo com facilidade... ela estava totalmente relaxada..... nisso resolvi realmente aproveitar aquele cú e fiquei brincando mesmo... enfiei um dedo ele engoliu facil.... logo lambuzei o outro no azeite e enfiei tambem... engoliu facil e ela delirava... pedia pra enfiar fundo.... lambuzei o terceiro dedo e enfiei tambem... ja com uma certa resistencia mas perguntei se doia e ela dizia que nao.. que estava uma delicia.... entao fiquei num entra e sai naquele cú delicioso... tirava pra ver ele bem aberto e enfiava de novo... que cú lindo vc tem!!! eu dizia e ela gemia e dizia que sim.... perguntei se podia enfiar meu pau naquele cuzinho lindo e pra minha surpresa ela falou: "claro, mete esse cacete bem fundo no meu rabo" eu fui a loucura... me posicionei e lambuzei meu pau no azeite.... encostei a cabeça do pau no cú dela e ela mesma forçou pra tras e tive a visao linda de ver meu pau sendo engolido por aquele cuzinho rosado... podia ver que sua buceta escorria de tao molhada mas estava muito satisfeito de comer aquele cú entao deixei pra lá e cumpri o trato. Fiquei bombando por uns 5 minutos de todo jeito. De quatro, ela por cima, de lado e disse que nao ia aguentar mais e ia gozar... ela me puxou e pediu pra eu gozar bem fundo no dentro dela o que fiz... jorrei minha porra bem fundo naquele rabo lindo.



bem, depois dessa foda deliciosa conversamos por um tempo. Aí eu realmente tentava conhecer mais dessa linda mulher e ela me dizia que realmente era virgem e queria continuar assim até o casamento. Disse que as poucas experiencias que teve foi somente com a mao e anal sendo que nunca realmente tinha chupado ou deixado ninguem tocar sua buceta.... disse que sá havia beijado seu namorado e ele já teria comido seu cuzinho tambem.... fiquei olhando pra ela e surpreso em ver tanto controle e determinacao. Depois daquele dia cheguei a ve-la duas vezes com a minha vizinha mas ela me tratou como se nunca tivesse me visto antes o que me deixou tranquilo com relacao a minha vizinha saber mas ao mesmo tempo com muita vontade de repetir a dose. Mas tenho certeza que essa segunda foda nunca vai acontecer pois nunca mais a vi....

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


relatos eroticos tornado femeaporno contos eroticos fui comida pelo sapateirocontos de casadas que se entregam a outro homemcontos eroticos encoxei comi farmaceuticacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico defia um diero comi ela pornocontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anosmeu cunhado abusa de mimcontos eroticosAdoro leitinho na bucetacontos eroticos arrombando a gordacontos eróticos meu filhoesposa de bebado nao tem dono contoscontos tirar leite eróticoscontos traindo o marido com o sobrinho roludo 2fui acordar o sogro pauzudocontos dos podolatrascontos eroticos forçacontos a filha da minha namoradaconto minha sogra nuacontos fiz tesoura na minha irmanzinha pequenininha e foi gostozoconto erotico minha irmã casadaminha amiga sapa e eu chupando contocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteConto d esposa magrinha e safadinhaconto gerou comer a sogratias envangelica dando a buceta ao sobrinho em historia realSou a cadelinha do meu cão contosLoirinha novinha chantageada conto eroticoler conto pornô de i****** ajudando minha filhacumi a prostituta na esquina contos eroticosContos titia iniciando meu sobrinho novinhocache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html enfiando a.pica..comdificuldadeos pedreiros me estupraram contos eroticoscontos eroticos de estupros entre primoso carteiro me pego com roupas femininas gayConto erorico arombei minha amiga novinhahomen dando cu para a gradeucontos eroticos na infanciacontos eróticos esposa disfarçadofilme pornô da mulher do Suvaco Cabeludo Vem homem do pau mais grande e g************* delaMeu nome é dado (apelidio),tenho 35 anos e minha esposa mara tem 32 anos.Somos simpaticos ,com caracteristicas bem Brasileira .Contos eroticos de amigos q fuderam as amigasvai dar rolê tudo gordona aí tudo mulher gorda só de biquíni bem gordona da bundona bem gorda da bundonacontos eroticos empregada pegando no pau do menino novinhocontos erotico comendo trans no onibusConto porno de meu avo me comeu e papai viuVideo Homem esfrega pênis na camano acampamento enquanto eu dormia contos eróticosporno com amiga loira baixinha encorpadinhavagabundinhas no seu primeiro poeno anal delatacao analbuceta cheia de porra corno contos ccomendo cunhada asm que minha mulher saiconto eroticos comendo a irma de perna quebradapapai encheu minha boca de porracontos eroticos- paguei minha filha pra cheirar sua calcinhacontos eróticos corno ...eu gritava que estava no período fértil...gay "macho vagabunda" contocontos erotica de estrupamento de ninfetosconto porno gravidagruda nos pelinhos da bucetacontos eroticos casado medico gordinhocoroa dona de banca em teresina dando bucetacontos er senta devagarContos eróticos transando perto dar famíliaDei o cuzinho quando já era coroa contos eróticosgostosao aguenta doi pipinos no cúvi o pauzao do pedreiro e fiquei doidinhahomem deixar você anda mulher toda arreganhada tanto transartransei com minha filha contos eróticosContos eróticos estuprada no ónibuscontos.encochando.uma.negra.bundudacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentechupou pau de flanelinha dentro do carrocontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentepatricinha ciumenta contos eroticosContos de incesto minha mae fugiu com outro e eu fiquei com o meu paicontos familia na praiacontos eróticos encesto fudendo com o meu filhohttp://contos hetero piscinaler conto pornô de i****** ajudando minha filhaler contos de sexo de mulheres sendo chantageada na estrada e dando cuzinho pra dotadoscontos eroticos minha mae popozuda e gostosacontos eroticoscunhadinhas muito safadaminha sogra e ninfomaniaca contosite onde posso encontrar contos eróticos com retrato contos de rabos sendo dilaceradosconto minha tia timoda no banho Falei pro meu amigo enrrabar minha esposa enquanto ela dormiaconto eonico de sexo analEstupro gay conto gay pedreirocontos eróticos levei meu filho para a praia de nudismo so para ver o pau delecontos meu primo malvado me comeucontos de coroa com novinhocontos chantagiei minha mae e mi dei bemna brincadeira fez a amigagozar