Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA MÃE ME FEZ VIADO

Fui criado por 3 mulheres. Minha mãe, uma tia e uma irmã.É evidente que no meio de tantas mulheres eu acabasse absorvendo os seus modos femininos. Além disso, quando fazia alguma estrepolia, minha mãe me vestia um vestido e me tirava as calças. Assim eu não iria para a rua. Com o passar do tempo fui gostando de vestir vestidos e ficar com a bunda aparecendo. Um dia, como praticamente todo dia, estava eu com um vestido, a bunda aparecendo, e minha mãe recebeu um amigo que iria tratar da venda de uma de suas casas. Enquanto minha mãe coava um café o cara virou-se para mim e perguntou porque estava vestido de menina.Diosse-lhe que gostava de me vestir de menina e mostrei que estava sem calça, com a bunda de fora. Senti que ele ficou interessado. Minha chegou com o café e mandou que eu fosse brincar no porão enquanto eles acertavam o negácio da venda. Fui, mas dai a pouco voltei devagarzinho. O que pensara estava acontecendo. Eles estavam no quarto. Aproximei-me devagar e pude ver minha mmãe de 4 sendo enrabada pelo cara. Ela parecia gostar muito e saber como fazer. Ali fiquei por um bom tempo observando os dois fudendo como eu imaginava que seria fudido um dia, Não resisti e toquei uma punheta. Quando percebi que eles haviam acabado sai de fininho sá voltando quando o cara tinha ido embora. Não resiti e falei para minha mãe que havia visto tudo. Ela ficou sem graça e pediu-me para não comentar com ninguem. Disse-lhe que guardaria o segredo com uma condição, que eu pudesse trazer meus amigos para brincar comigo em casa. Ela disse que sim e no outro dia levei o Rui e o Carlinhos, justamente os 2 que mais me assediavam, que me passavam as mãos e me encoxavam sempre que podiam. No meu quarto eles não tiveram cerimônia e foram tirando o pau para fora e perguntando quem, me iria comer primeioro. Disse-lhes que os 2 me comeriam. Eles fizeram tudo que tinham direito, enfiaram o pau na minha boca e depois no meu cu. Por último um me enrabou enquanto o outro enfiava o pau na minha boca. É lágico que minha mãe percebeu e, quando eles foram embora, ela me perguntou se eu tinha sido mulherzinha deles. Respondi que sim. Que eu gostava de ser a mulherzinha de um deles.Mas que na verdade o que eu queria era ser a mulherzinha de um adulto, igual aquele que a tinha comido. Ela respondeu que era perigoso que eu deveria tomar muito cuidado, que não aceitasse convite de um estranho etc. etc. Como eu insistia que adorari dar para um adulto ela me disse que falaria com o José, o cara da venda da casa. Tewlefonoiu para ele vir no outro dia poeque precisava conversar com ele. Confesso que nem dormi direito a noite. No colégio torcia para as aulas chegarem logo ao final porque eu queria estarv em casa quando o José chegasse. Finalmente toca o sinal. Corri para casa, minmhamãe mandou que fosse tomar banho enquanro ela conversava com o Jose. Tomei o banho mais rápido da minha vida e fiquei ouvindo a conversa. O mais importante era que ele se oferecia para conversar comigo. Minha mãe disse que iria ao supermercado e saiu. Eu vesti um vestido, sem calça, fui para a sala. O José me chamou para sentar ao lado dele e me perguntou desde quando você sente atração por outros homens? Respondi que há bastante tempo mas, na maior cara de pau, disse que tinha vontade mesmo era de dar para um adulto porque os pintos dos colegas eram pequenos. Percebi que ele ficara de pau duro e érguntei se ele sentia tesão por mim. Meio encabulado ele respondeu que sim. Que eu era muito gostozinho, que tinha uma bunda lizinha e bonita. Mostrei-lhe a bunda e perguntei ela é mesmo bonita? Quer para você? Ele meio atordoado disse que sim e tirou o pau para fora. Que lindo aquele pau de hoemem. Comecei a alisá-lo e tremia na minha mão.Perguntei se podi chupar e cai de boca, o José estava afobado e preocupado é claro, mas se largou e gozou na minha boca. Levantou-se e arrumou-se rapidamente porque minmaha mãe estava chegando. Antes que ela entasse ele se preparou para sair. Disse a minha mãe que tinhamos tido uma boa conversa e que depois falaria com ela. Com muito tesão chamei o Rui e o Carlinhos para me comerem. Enquanto estavamos no quarto, ouvi o ruído caracteristico de minha mãe no quarto com alguem. Pedi silêncio aos rapazes e fui olhart pela fresta da portya. Tiro e queda. Minha m,ãe estava na cama com um cara. Os rapazes ficaram assombrados e com os cacetes durissimos. Enquanto olhavamos os dois fudendo eles me comiam. Foi maravilhoso. Uma das melhores enrabadas que já tive.É claro que depois desse dia os rapazes vbinham com enorme frequência a minha casa. Quanto ao José, sumiu. Nunca mais o vi na minha casa. Por me fazer vestir vestidos e ficar com a bunda de fora e por transar com os seus amigos, afirmo que minha mãe me fez viado e eu agradeço a ela porque adoro ser viado. Se vocês gostaram escrevam-me que lhes contarei mais sobre mim. Beijos.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


porno gay pai apostou cu para o vizinhogenro faz sogra gozar contosnao filho nao posso e pecado ela faz a vontade/dele chupa pica/dele cem querecontoseróticoamigascontos eroticos com padrastos e enteadascomi minha amiga crentecontos lesbic de patroas seduz secretaria para um transa lesbwww.contos eroticosgabi e o coroa.comcontos tia tirou os pelos do pau do sobrinhoconto erotico minhas prima se apaixonou por mimcontos eroticos menagequebrei o cabaço da minha irmã ela chorou muito porno cariocaontem eu esfregei o pau no cu da minha tia dormindo e certonao contar para ninguem da familia. Quando eu achei que o papo ia terminar ali, ela me fez a pergunta que levou a tudo: perguntou porque eu tinha tanta coisa sobre lésbicas incestuosas no pc? Quando ela me perguntou isso, confesso que pensei em desconversar, mas aí pensei também que ela não faria essa pergunta à toa. Aí comecei a falar que aquilo me excitava muito, que gostava de ler sobre aquilo. Sem brincadeira, acho que a gente deve ter ficado uns 10 segundos em silencio ali na cama, depois que eu falei isso. Uma olhando para a outra. Aí, ainda bem, ela tomou a iniciativa, colocou a mão na minha perna e perguntou: Você pensa em mim?  contos eroticos noivas.boqueterascontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos gay com monstroscontos eroticos chantagiei minha tia e comi elaxvideo pornozinho inpinadinha onlineconto menor me comeucontos eroticosnegaoe foi assim que comeram minha esposaComi minha mãe no meu colo contos eróticoscontos eroticos meu tio juniorchaves.comendo cu da chiquenhacontos de coroa com novinhotravesti de vestido e botinha querendo pica na bundinhaandei com a cara gozada na ruaconto erotico: meu desejocontos eroticos arrombando a gordapai q come filha no sitiocontoscontos eroticos incesto avôComtos mae fodida pelo filho e sobrinhoContos eroticos selvagensesposa crente relatando contos troca casais pornocontos eróticos irmão mais novoconto de sexo com rabuda asquerosocontos erticos de mulheres fudedo se pudo em locais pubicosminha mulher adora ser brechadaver contos erótico mãe gordinha concebido gostosa s*****contos eroticos no escuroEu e minha Mãe Cabaço contoscomtos d primos d 30 cumemdo cusinho d priminhas d 15ver tdos as calcinhas fio dental qom bomum empinadVem vem safado contoContos eróticos vizinho novinhos gay Manauscontos eroticos fui fodida feito vadia e chingada de puta pelo meu primocontos eróticos minha tia de baby dollincestos como Virei p*** é obediente dentro de casa numa festaconto de noiva putinha do papaiboquete no filho contosContos mamae é a puta da familia e dos vizinhoscontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos gay meu tio de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anosContos eroticos que cuzinhomas gostoso do filho da minha esposainiciando um viadinho contoCasadas safadas traindo em contosmetendoo con vpontadi pornocontos fiz tesoura na minha irmanzinha pequenininha e foi gostozocontos eroticos mulher casada se evcontos eroticos chantagemfodida no onibus por coroa contosContos eróticos perigosa tentaçãocontos eróticos mãe e filho de araraqurameu sobrinho mamou meu pau contos gayo'mundinho eu baixei as calça e comeu meu cuzinhocasada reclamando do vizinho contos eroticoscontos olhando meu pauporno finho brexa tia tocado de rupacontos eróticos uma amiga vendeu a buceta da minha esposaconto erotico lesbico chupa meu grelinho ai vou gozar isso não para ai ai ai to gozandocontos eroticos prima 32noscontos eróticos gay meu sobrinho rabou meu marido na minha frenteContos comi esposa do caminhoneiromolestei minha filhinha contos eroticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos arrombando a gordaaiiao taradocontos eroticos sou casada delicia meu sobrinhocontos eroticos arrombando a gordaContos eróticos heterossexualfingi que tava possuido e comi minha sograconto zoofilia novinha e os cachorros Minas Geraismeu tio velho ajudou eu e minha prima perder o cabaçoContos eróticos sessão sado com meu paicontos meu marido descobriu quando cheguei arrombadabucetinha rozadinhaso a cabecinha incesto titio contostransei com uma garotinha de 11aninhoscontos erotocoa de alufando esposacontos eroticos comi uma desviadacontos eroticos arrombando a gordacomendo o cuzinho da coroa acabada de acordarmasagista se marturbando no meio do espediente porsexo Sátão garotas da noite prazer contos eróticos trai com consentimento do meu maridohistória de contos erotico com novinha da vila senta no meucoloÇonto erotico coroa da bunda grande