Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A EMPREGADA DE MINHA TIA

Em um dos meus contos publicados aqui, falei sobre a empregada da casa de minha tia ter me visto comendo minha cunhada. Na verdade ela era a filha da empregada de minha tia, mas tinha sido criada desde pequeninha por ela e já era considerada da família, e como a mãe tinha arrumado outro marido, passou a morar com ele e sá trabalhava na casa de minha tia em dias combinados enquanto a filha morava lá e ajudava nas tarefas domésticas. Eu já tinha visto ela tomando banho várias vezes, pois como morava na parte superior da casa, a janela de meu quarto dava pra ver a janela do banheiro de baixo, e proporcionava uma visão perfeita de quem estava tomando banho. Ela era morena, meio magra e alta, com um cabelo enorme e liso, quase chegando a cintura, a buceta pequena com os pelos bem aparados e desenhando um triângulo perfeito, linda. Ela devia ter uns 19 ou 19 anos quando isso aconteceu. Pois bem, alguns dias haviam se passado e ela sempre que podia dava um jeito de se mostrar pra mim de uma forma sex, saía do banho enrrolada na toalha e fazia questão de que eu visse, usava shorts que deixavam sua bundinha quase de fora de tão curtos, me chamava na cozinha para ver se estava vazando gás e ficava tão perto que dava pra sentir seu cheiro, e outras mais que já estavam me deixando com tesão por ela.

Um dia estava em casa sá eu, minha esposa e ela, que estava no quintal lavando roupa. Ela me chamou alegando um problema na torneira e quando cheguei lá ela estava com um shortinho de licra e uma blusinha branca de algodão toda molhada e sem sutiã, o que dava uma visão perfeita de seus peitos já arrepiados pelo frio. Ela olhou direto para meu pau, passou a lingua nos lábios e pediu para eu ver o que estava acontecendo pois ela já estava toda "molhada", a safada foi direto ao ponto e não me fiz de desentendido, já fui agarrando ela e enfiando a mão na buceta por cima do short mesmo, tasquei um beijo na safada que não esboçava nenhuma reação para me empedir, então levantei a blusa e caí mamando ora num seio ora no outro, mordiscando os biquinhos de leve enquanto ela alisava meu pau já duríssimo por cima da bermuda. De repente parei e me dei conta de onde estávamos, pedi para ela esperar eu entrar no quarto que minha esposa ficava (ela estava em repouso absoluto por problemas na gravidêz - conto: Comendo a cunhada - parte 1) e fechar a porta e depois ela subisse para o primeiro andar e me esperasse. Assim fizemos e arrumei uma desculpa e subi em seguida, ela estava me esperando e não perdir tempo, fui logo agarrando e tirando sua roupa molhada, a bucetinha estava toda melada de tanta vontade que ela estava, deitei ela na cama e chupei sua buceta demoradamente, fazendo ela ter seu primeiro gozo com alguem chupando-a, pois embora já tivesse tido algumas experiências com uns carinhas, nunca tinha passado de punhetas e chupadas nos seios e alguns toques de dedos na buceta de leve, mas sem penetrações, ou seja, ainda era virgem a safadinha, e sá fiquei sabendo quando botei minha pica pra fora e fiquei esfregando na bucetinha dela ameaçando enfiar de vez em quando, ela me pediu para ir devagar pois nunca tinha dado a buceta pra ninguem e tinha medo que doesse. Não acreditei e fui conferir enfiando um dedo e realmente era virgem. Ofereci meu pau pra ela chupar e ela caiu de boca como se fosse uma expert no assunto, tirava todo da boca e ficava passando a lingua na cabecinha e olhando pra mim, depois tornava a engolir e punhetar ao mesmo tempo, comecei a sentir que iria gozar e tirei de sua boca dei mais uma chupada na buceta pra ela ficar bem molhadinha e apontei o caralho na portinha e fui forçando até passar a cabeça, ela deu um gritinho abafado pelo travesseiro que ela mantinha no rosto já prevendo isso, esperei ela se acostumar e comecei os movimentos de vai e vem bem devagar para ela não sentir dor, quando vi já estava todo dentro daquela bucetinha e ela suspirava de desejo e tesão, perguntei se podia continuar e ela disse: - me fode logo que eu quero gozar com esse caralho na minha buceta. Me come por favor, me come muito, me faz mulher de verdade. Me fode igual como você fudeu com a ... sua cunhada, eu vi tudo e fiquei morrendo de vontade de me juntar a vocês. desde aquele dia que resolvi que queria que você fosse meu primeiro homem, não queria que minha primeira vez fosse com esses moleques que gozam sá da gente apertar o pau deles. E estava certa, você é muito gostoso e tem um pau grande e grosso, que me deixa toda melada sá de olhar pra ele. Eu aumentei o ritmo das estocadas e via meu pau sair melado de sangue e do líuido dela misturados, virei-a de costas e puxei pra beira da cama, deixando ela de quatro toda aberta, com a buceta inchada e muito vermelha, enfei meu pau nela por trás enquanto bolinava seus peitos e puxava seus longos cabelos, dando a impressão de total submissão dela. Aumentei as estocadas e avisei que iria gozar na bucetinha dela, ela não sá não impediu como me implorou para encher ela com muita porra, mas depois ela queria que eu gozasse na boca dela também pois ela iria tomar todo meu leitinho. Disse isso e começou a ter espasmos e gozar feito uma louca, não aguentei e gozei junto dentro dela. Ficamos um tempo deitados e me arrempndi de ter gozado dentro pois corria o risco de uma gravidês, então levantei e a levei para o banheiro onde dei um banho nela para tirar o máximo que podia de dentro dela (como se isso fosse adiantar), mas durante o banho meu pau foi dando sinal de vida novamente e ela começou a punhetar ele e depois se abaixou e me deu uma chupada de profissional, me fazendo gozar na boca dela e tomando tudo sem deixar cair uma gotinha no chão. Nos vestimos e prometemos nos encontrar novamente, e eu disse que da práxima queria comer seu cuzinho para tornar ela mulher por completo, claro que ela aceitou e conto na práxima como foi. [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


nua e corpo inteiro melado de margarinamadrasta sedusida de manhaContos eróticos fui cavalgar com meu marido e o cavalo me comeu zoofiliamacho subjugado a chupar buceaContos vi meu padrasto nucontos eroticos minha namorada virgemContos eroticos de mesticascontos eroticos meu irmãocontos eróticos gay lambendo o cu do macho heteroContos eroticos a minha mae da bunda giganteuma buceta enchada de ter cido estruprada samgrandoler historia de sexo entre cunhada e subrinhas com tiocontos eroticos levei rola com meu marido en casaconto erótico gay em cinema. De Recifecontos eróticos gang bang com desconhecidostanguinhas molhadas contos eroticos reaisComtos eroticos fudendo com meu marido e nosso amigocomendo e sendo comido por hipermegadotadoContos minha sogra quis medir meu pauconto de casada fudendo com outrovivos magras de peitospequenos deixando gozar no peitocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto estupradacontos eróticos a coroa casada foi estuprada dentro de sua casaamigo hetero contocontos eroticos arrombando a gordacontos de anjinha safada.Bucetapeludafazendo manha na pica grandiconto erotico: A FILHA DA DONA VERAContos eroticos saia rodada e de calcinha fio dentalninfetas cor de jambo no video mobilecontos eroticos arrombando a gordacontos enfiando picole no cuMinha mãe pois silicone contoscontos eroticos de comi a bunda da mae da minha amigax video.com madrasta me mandou eu lamber o seu cuzinhoanus enrabadocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemeu genro me enrabou ai ai ai me come conto eróticocontos eroticos incesto com avôcom minha filhinha novinha contos eróticosWww.xoxotinhanovinha.comRelatos eroticos de professoras casadas brancas que foram usadas por alunos negroseu fui arrombadoputinhas de quinze anos xexo uricuiaSexu.com.busetas.de.7anuswww.contos lutinhas com mamaecontos eroticos castracao com medicacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto gay dominador negrocontos erótico de velhas que adora ser chingadascontos de coroa com novinhoconto dei minha buceta pro mendigofilha esposa de papai pintudo contos"cabelo na perereca"contos eroticos arrombando a gordaconto xupei o pau do meu amigo pq perdi apostaporno gay contos erticos viajando com o meu padrasto caminhoneiroBaixou minha calcinha e meteu contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteghupa ghupi pornbucetiha tihomae leva gozada na boca de fio travestibia cadela contosContos eroticos esposa 60 anoscontos mae segura filha para homem comer na marraconto porno de cachorrocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos brincadeira do leitevagina que contrai o peniscontos zoofilia namorada e a prima dela dando o cu pro cãocontos eroticos excitado por minha filhacontos eróticos picantes dando pro professor gostosoarregaçando conto heteroContos namorada e o pirocudocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto agarrada no onibusduas munhe vai calvaga i da pra a cavalo fude ate goza zoolcontos eroticos arrombando a gordafilme pornô com gordinhas empadãocontoseroticos encochando minha irma onobisContos de incesto familiargostosa se deliciando na cademis malhando de perna abertacontos erótico eu e minha loirinha e um negao de 32 parte 2Www.contoseroticosvirgindade.comConto erótico de laracontos eroticos como passei a ser travesti por causa do meu cunhadocontos exitantes eroticos deixando os velhos me chuparfui consola a cunhada contos