Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

AMIGO BEBADO, MULHER FACIL.

O que contarei hoje, aconteceu neste fim de semana, e ainda fico meio arrependido pelo feito, mas confesso que foi muito gostoso.



Cmo ja falei em outro conto, sou sou alto, magro, pele clara e cabelo preto, e 25 anos



Tenho um amigo de infancia, que somos muito apegados, sempre farreamos juntos até eu me casar, e mesmo depois continuavamos saindo pras cervejadas e tal.



Há um ano ele está casado com uma morena linda, estatura media, peitos normais, mas uma bunda linda.



Sempre frequentei a casa deles, e eles a minha, nunca olhei com malicia nenhuma para a esposa de meu amigo.



Neste fim de semana, decidimos sairmos juntos para uma balada qualquer e fomos, pra não ficar de vela convidei uma velha amiga minha para me acompanhar, e fomos para uma das boates de nossa cidade



Dança vai, bebida vem, minha amiga arruma um rolo e me deixa de vela ali no meio, logo comecei a procurar alguem pra mim, mas sem sucesso acabei sentando em uma mesa, quando vejo uma loira bonita me olhando do bar. a convidei para sentar com um sinal e ela veio...

Conversamos um bocado, e rolou uns beijos, tentei carregar essa loira para minha casa de qualquer forma porem ela queria que eu arrumasse alguem pra uma amiga dela, o negocio é q eu nao conhecia ninguem alem de meus amigos, e nao levaria 1 cara estranho com outra estranha pra minha casa sem eu ver o q estariam fazendo.



No final trocamos telefone e marcamos o encontro para outro dia.



Depois de algum tempo na boate, percebo meu amigo ja alterado pela bebida, e algumas horas depois, ja distraido, sua esposa me chama pra leva-lo embora pois ja estava fzendo fiasco.



Escorei ele no meu ombro e levei ate o carro. Procurei por minha amiga, porem nao encontrei-a e acabei a abandonando, mandando 1 torpedo em seguida relatando o acontecido.



Como eu havia tomado sá uma lata de cerveja e muito energetico e refri, ja prevendo que teria que dirigir, peguei o volante e fomos embora.



Chegamos na casa do casal, onde largamos o pinguço ja desmaiado na cama. Ela me convidou para tomarmos um alcool, ja que ele nao aguentou e ainda era cedo da madrugada.



Inocente, aceitei o convite, e depois de muitas eu ja estava alterado e ela tambem.



Ela começava a falar que estava louca por sexo e o marido dela desmaiado, eu sem graça, mesmo bebado....



Ela acabou levantando e na tentativa de ir ao banheiro cai no meio do corredor, eu vendo aquilo, ja bebado tambem vou la ajuda-la preocupado se ela havia machucado.. com muito esforço a levantei e a levei no banheiro, esperei no lado de fora, e quando ela sai a ajudo novamente a voltar pra sala..



A garrafa de vodka ainda tinha metade quando ela decidiu que iria secar tudo aquilo, eu tentei faze-la parar mas ela quase me espancou, entao a deixei beber, que nao durou muito, bebeu uns 4 goles e desistiu da façanha, entao se abaixou para colocar a garrafa no chao e acabou caindo de 4..



o vestido que nao era mt comprido e era meio colado levantou, mostrando tudo, ela estava sem calcinha e meu pau levantou naquela hora...

ela vira, me olha com cara de puta e diz: me ajuda a levantar?



confesso que ri na hora e ajudei, quando a levantei ela beija minha boca, e eu sem saber o que fazer retribuo o beijo...



enquanto ela me beijava ela abria minha calça, quando percebi a calça desceu, e ela logo enfiou a mao em minha cueca, tirando meu pau pra fora. eu falava para ela parar, mas quem queria mesmo era eu, estava louco de tesao e a bebida tinha colocado o "modo foda-se" ligado. nao resisti, e depois de muito beijo e pegação, levantei o vestido dela, e daquele jeito mesmo a empurrei para o sofa, deitei-me em cima e sem camisinha coloquei meu pau pra dentro, fodemos feito loucos, de 4, 69, frango assado, papai mamae...



ja estava amanhecendo quando paramos, o alcool ja tinha perdido 1 pouco do efeito. e o arrependimento começa a bater, tomamos banho juntos, mais um boquete delicioso dela no chuveiro, e fui dormir em um quarto que sobrava na casa.



Algumas horas depois sou acordado por meu amigo me dando travesseiradas e me chamando de vagabundo por estar dormindo ainda.

Nesta hora que o arrependimento bateu de verdade, enganei meu melhor amigo, aquele que sempre me apoiou em tudo.



A esposa dele estava normal, com uma puta cara de ressaca, mas agia normalmente, sera que ela se lembra do que aconteceu? nao sei, sá sei que eu me lembro e nunca vou me esquecer dessa covardia que fiz com meu amigo.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


vamos a mulher Helena chupando sua filha com mulher mulher mulher mulher mulher mulher com mulher chupaconvidando amenina pra fudedeixei meu amante come minha intiada a força pá ela não mim entrega incesto contos eróticoscontoseroticosnobanheirocomia mae contosconto enteada cabacoa minha cunhada casada e saia justa contos com fotosconto de estrupando a velhaminha mae me prostituia conto eroticocontos gays seu tiaocotos erotocos piscina casadacurtos relatos eróticos de estupro forticontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentefomos pescar eu e minha esposa e cunhada e o conto eroticocontos casada traindo maridocontos fui cornover homens bem-dotados sendo castradosBucetas aregaladas e raspadibhacontos comida com meu namorado na cachoeira Contos eroticosComeram minha esposa e goram dentro delaporno insesto na hora gue o tamanho do pau me asusteicontos eroticos de putas casadas e cornos assumidoscontos minha bunda ernome encoxada de pau super durovoyeur de esposa conto eroticoconto gay primos no sitiocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteConto erotico pintor comeu filha de sua patroaSarado tesao mexendo movimentorabuda fudendo e adora contosvoyeur de esposa conto eroticocontos eroticos esposa na de bronzearfui arrombada porvarios contosconto eroticotravesti comdno coroas casadasvelhas gordas de 90kg nuasConto erótico meu nome é Lucinda incerto mae com punheta contoLoira ,do,calodinho,de,baixo,dando,cuprofessor e aluna contosContos eroticos marido convence esposa com pintudocache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html conto escrito ese ano cavalono nuacontos eroticos troca de casal pica ggela queria dar uma dançadinha no quartopornodoido sobrinho fura a calsinha da tiacontos eroticos de Maezinha bobinha do amigis transando com jovezinhocrossdressing miudinha"voce e muito corno"contos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteme fez de puta e me estrupkcontos eroticos eu minha esposa rabuda e meu tio na praia de nudismocontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestipapai no cuzinho de mamãe contoscontos não resisti ao cacetaocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos virgem com vovoContos meninas d doze anos x negros dotadoscontos de corno acampandoconto gay depilando o camaradacontos eróticos esposas traduzidas na minha frenteConto de putinha para os tarados da cidadecontos fui comer uma bct chegou na hora era homemConto erótico na casa do tio tarantoso sadomasoquismo com maridos e esposas contos eróticosPrazer Gay:Contos sobre Valentão da minha vidavideo porno brindo sua buceta comas Dias mOsviuva darlene fudendo muitocontos erótico ginecoligista e novinhaminha irma casada contoscontos eroticos arrombando a gordaas duas bundinha para o macho contoo p****** do metrô mulher relata conto eróticomasagista se marturbando no meio do espediente porcontos eróticos com amiga da esposa  Quando tinha 22 anos, adorava comer lekes mais novos. Uma das minhas aventuras mais excitantes foi quando descobri que meu primo Tiago , que morava na mesma rua , esta liberando geral nas brinacediras de pique-escondi da rua.Até então já havia tra  cuzinho peidao contos.cornominha irma seu cu cheiroso contoscontos eróticos infânciadei o cu p meu genro contoscontos erotico na balada com a irmaImagem Carla danada na zoofoliaGozei dentro da gorda dopada de vestido contogenro faz sogra gozar contoscontos eróticos tiosafadoencoxador no tremcontos eroticos noivas.boqueterascontos minha tia viuva sua amiguinhacontos eroticos abusaram do meu maridocontos eroticos meteram em mim e fiquei muito abertaPica de jumento com veiasconto eroticos entre primosvideos de molhe rosado a buseta na onttra e gozandomasturbando com obras em xasa contocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos marido atolou a geba grossa no cu d esposa na pescariameninobateno.punheta au.ver empregadaLora dismaiando no cu no anal em tres minutos