Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ESPIANDO A CUNHADA, FUDENDO A ESPOSA

O relato que passo a compartilhar com vocês teve início quando ainda namorava a minha ex esposa (Mariana), ela tinha duas irmãs que moravam com ela (a mais nova solteira, evangélica e virgem e a outra, mais velha que minha ex e separada).

Quando passei a frequentar a sua casa, passei também a manter contato com as irmãs, e confesso que sentir um tesão, desejo pela minha cunhada mais velha. Ela é morena, cabelos pretos, seios médios, era mais magra que a minha ex e tinha uma carinha de quem é abusada, o que me deixava com mais tesão.

Quando eu chegava a sua casa ela já vinha me receber ou usando vestidinhos ou saias, raramente de short, e quase sempre sem calcinha; quando estava de calcinha durante os nossos sarros ou eu tirava ou ela mesma tirava. Geralmente ficávamos no jardim ou na entrada de as casa, numa área existente, onde ficavam umas cadeiras.

Ficávamos no maior amasso no jardim, ela esfregando a buceta em meu cacete duro, eu levantava o vestido dela, alisava a sua buceta, massageava o grelinho dela, enfiava os dedos, a deixava toda lambuzada, enquanto ela alisava meu cacete por cima da bermuda, eu colocava o cacete para fora e ficava roçando com ele em toda a extensão de sua buceta e quando ela já estava bem excitada, eu penetrava gostosa a sua buceta, que engolia o meu cacete, ela apertava o meu cacete com a sua buceta (uma delícia). Eu também gostava de meter com ela de costas para mim, ela ficava na ponta dos pés ou eu me abaixava um pouco (por ela ser mais baixa que eu) e eu metia gostoso em sua buceta (adoro meter na mulher por trás) e também passei a fuder o seu cuzinho, em pé, ela ficava de costas, às vezes se apoiava em uma planta e eu metia gostoso em seu cuzinho apertado, era uma delícia isso tudo. Fudemos muito nesse jardim. Confesso que não sei dizer se alguém chegou a perceber algo ou ver, mas acredito que sim. às vezes a minha cunhada passava por nás e acredito que notava algo. Eu também dava umas rapidinhas com ela na sala, com a minha cunhada no quarto ou com o pessoal na calçada. Ou então eu ficava alisando a sua buceta co mela deitada em meu colo no sofá, co ma minha cunhada sentada em outro cadeira. E o fato de alguém poder nos pegar no flagra, em especial a minha cunhada, me excitava muito. E fui alimentando esse tesão que sentia por ela.

Quando casamos depois de um tempo, passei a morar um tempo na casa de minha sogra e com isso fiquei mais perto de minha cunhada e ai passei a fazer umas loucuras. O banheiro tinha umas aberturas pequenas na porta que davam para espiar quem estava no banho e eu providenciei de aumentar essas aberturas para facilitar o meu objetivo, espiar a minha cunhada. Confesso que várias vezes fudi a minha esposa imaginando está fudendo a minha cunhada. Eu passei a espiar ela tomando banho, geralmente quando estava sozinho em casa ou não tinha ninguém por perto, era muita adrenalina, eu espiando ela tomando banho, esfregando sabonete naquela buceta (às vezes peludinha, às vezes lisinha), inclusive cheguei a ver ela se depilando, com o pé em cima do vaso sanitário e eu vendo pela abertura da porta), passando nos seios, vendo ela de costas, o seu bumbum e eu me masturbando e também passei a me masturbar em suas calcinhas, deixando-as lambuzadas com a minha porra. Ela passou a notar que eu a espiava, pois às vezes colocava uma toalha na abertura, mas às vezes não colocava, mesmo sabendo que eu a espiava. Mas nunca falou nada comigo e eu continuei a me excitar lhe espiando. às vezes eu estava com um calção folgado e deixa o meu cacete praticamente de fora, para que ela desse uma olhada, mas ela também nunca falou nada, mas eu sabia que ela via o meu cacete duro de tesão. Tinha um cara que morava na mesma rua que fudia ela, não namoravam, mas ele às vezes saia com ela, eu sabia que ele fudia ela. Outro dia eu estava procurando umas coisas e encontrei um álbum de fotografias e para minha surpresa e tesão, encontrei duas fotos dela exibindo os seios em uma praia que foi passar o fim de semana com o cara que a fudia. E não deu outra, fiquei com essas fotos para mim, guardei bem guardada e se ela sentiu falta, nunca reclamou ou perguntou quem pegou. E assim eu passei um tempão espiando a minha cunhada, mas infelizmente eu nunca cheguei a fuder ela. Teve uma vez que fudi a minha esposa chamando-a pelo nome de sua irmã foi uma foda muito louca e confesso que pensei que a minha esposa fosse dá a maior bronca, mas não reclamou, acho que pelo tesa o que estávamos e também por que havíamos tomado umas cervejas e caipirinhas nesse dia, foi um churrasco que fizemos em casa.

Depois conto mais aventuras que tive com esse meu lado voyeur. Espero que vocês gostem e mantenham contato através do MSNe-mail: [email protected] ou twitter: twitter.comsrfetiche

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


tirou as pregas dela contoseu confesso caso de incestocomi um a menina de 14 contoContos de comer cadelacontos minha irmã cuzudaas meninas brincaram com meu pau contosconto de dei o cu para uma pica grande do meu patrão que me rasgoucontos eroticos rabudasmeu chefe me chupoucontos sou o macho da minha sobrinhanovos relatos eróticos de incesto com fotos mãe e filha primeira vezconto erotico princesa aronbada na favelacontos eroticos ma minha despedida de solteira fuquei com 25 homensasalto que.virou.suruba videoscontos eroticos gay entre primoscontos esposa deu pro sobrinhocontos lesbic de patroas seduz secretaria para um transa lesbxvideo do cunhado pecado a cunhadinha a fosa gozado dretro da boceta delacontos eroticos de comi a bunda da mae da minha amigaContos Eróticos MEU BUNDAO filhocontos erotico comi o hetero parte 19contos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteMinha sogra me pergunto se eu deichava ela chupa no meu penisvideo porno brindo sua buceta comas Dias mOsconto de medica lesbicaContos heroticos de mulher que soltou um pum na hora que tranzavarasguei a camisinha sem ela perce er e gozei dentro/contoscontostesudoshomem maduro contando porque deu o cuMãe mamando pau do filho contoseroticoscontos eroticos eu e a minha filha somos putacontos eroticos minha namorada virgemcontos eroticos de cornos e veiasContos eroticos galeraconto de sogra dando para genromeu namo puchou meus cabelos e deu vários beijos em mim o que significa isso?contos me ensinaram a bater uma siriricatia peruca gosta de chupar pau e a buceta sai muita gozaContos eróticos d homem com éguameus patroas adoram chupar a minha bucetaContos eroticos engravideiconto gay colocontos putinha do papai de nascençaContos eroticos cofrinho esconde escondecuzinho da mae contosporno.ele namorou a cunhada ate que ele comeu o cu delawww.mulhers impinadas de calcinhaconto meu pai sai e eu como a minha maeWww.videos sexo selvagem com palmadas chineladas na buceta e na bundaassistir vídeo pornô travesti da rola Gabs cabeça de graçaconto meu filho meu machocontos eroticos troca casais com gravidezfui ensinar a sobringa dirigir ea fudicontos eróticos de gay comi o amigo do meu filhoconto teen e mae nudistamurhler.abusada.estrupradoconto dopei ela e mamei o grelo e chupei o peitinho ela gozoucontos eroticos casado medico gordinhoso rendudo socando ni bundao enormeconto eroticos fui obrigado a fuder minha irma num estuproaluninha dando cuzinho virgem para o professor pirocudo contos eroticosrelatos contossexo menininhas 9 aninhoscontos eroticos- paguei minha filha pra cheirar sua calcinhacontos coroa 58 anos pau grossocontos gays transei com meu amigocontos eróticos de Zoófila - empregada foi amarrada e castigadacontos eroticos glaucia cdLóira safada narra conto metendo na coberturaconto erótico corno babacacontos eróticos a enfermeira velhacontos eroticos com cavalocontos erotico negro goza na buceta da noiva para o corno