Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

VIREI GUARDETE E MEU MARIDO CORNO

Boa noite, leitores,



Hoje vou contar a vocês minha historia, que aconteceu a algum tempinho. Bem pra começar, depois de ser dona de casa por alguns anos e de ser mãe, resolvi arrumar um emprego e trabalhar, ter meu dinheiro. e influenciada por uma amiga, me tornei vigilante, pra ser mais precisa, Guardete. nos primeiros dias percebi que as coisas tomariam um rumo diferente. o assédio dos demais vigilantes eram incessantes, todos os dias ouvia uma cantada. em casa meu marido tava gostando da minha iniciativa de trabalhar. mais nem desconfiava do que iria acontecer. Sou uma morena de 32 anos, cabelo pouco encaracolado, seios 42, um pouco caidos, Bicos salientes, não sou bunduda, mais tenho coxas grossas e adoro andar de roupas ousadas as vezes. Apesar do uniforme fechado da empresa, muitos enxergavam alguma coisa dos meus atributos. Gosto de sacanagem e sempre gostei de ouvir as gracinhas, mais sempre pensava duas vezes antes de fazer qualquer coisa. porém isso mudou apartir do dia que descobri uma traição do meu marido, e logo com uma pessoa que eu conhecia e tinha como amiga. apartir dai, mudei radicalmente. e decidi que quando as oportunidades aparecem e eu quisesse, faria pra me vingar. e a primeira oportunidade não demorou a acontecer.



Depois dos meses de treinamento dando meus plantões em uma loja, algumas vezes fazia um extra dando plantão em varios lugares, sempre que era necessário, conheci mutos vigilantes nesse periodo, e muitos deles safados, doidos para fuder. mesmo os casados, não perdiam a chance de falar alguma coisa, ou jogar "um verde". O Márcio foi um desses que me cativou, era cheiroso, forte e falava fácil. sabia envolver. e dei a sorte de cair com ele num plantão. era um deposito e minha função era revistar as mulheres na saida, ele ficava até mais tarde um pouquinho, e meu plantão terminava quando saia a ultima mulher de lá, por isso minha saida era indefinida. Nesse dia, já passava das 20 horas e sá tinha duas mulheres lá, o Marcio ficaria até as 22 horas como de praxe, e eu tava ali impaciente pra ir embora. porém o Márcio era divertido e sempre me fazia rir, e entre uma brincadeira e outra no rádio dizia: "Vai embora comigo hoje, né guardete!?" É, acho que sim! respondi. e logo pensei em sacanagem, fiquei pensando no que poderia acontecer. e depois de meia hora, as duas mulheres se foram e me vi livre para ir embora. Passei um rádio para ele e disse que iria tomar um banho e ele malandramente disse: "Vai sair com o maridão heim!" e acabei Respondendo sem pensar, "Que nada, ele tá merecendo um castigo meu! isso sim!" depois de um breve silencio ele tornou: "Se quiser te ajudo a pensar num castigo pra ele!" senti a maldade dele e resolvi entrar no jogo. "Tem alguma ideia?"... ele foi objetivo. "Vai tomar seu banho e depois passa no "2". O '2" era um deposito mais reservado, onde ficava um cofre e algumas estantes com caixas, e mais algumas coisas velhas, parecia um arquivo morto. confirmei que iria depois de 20 minutos e logo que cheguei lá. a porta era fechada a chave, mais tava aberta, entrei e vi ele lá sentado numa cadeira um pouco antiga e rasgada sem camisa, de calça é bota. eu estava muito molhada e sabia o que tava por vir. ele sem cerimonias, perguntou: "você paga boquete pro seu marido?" respondi: "Sim ! ele adora, por que?" então ele abriu a calça e tirou a pica pra fora, grossa, mais grossa que a do meu marido. cheia de veias com a cebeça vermelha, "Vem me chupar vem! Faz o mesmo que voce faz pro seu marido, se vinga dele...". não tinha saída, coloquei a bolsa no canto da parede, fechei a porta na chave e fui em direção a ele, quando cheguei perto ele me puxou pelo braço e me beijou na boca, me fazendo cair sobre ele. me beijou muito e me fez segurar seu pau, sem perder tempo, punhetei ele e cai de boca nele, ajoelhada, chupando ele com vontade, e sem demora ele levantou-se, me mandando levantar também, me mandou tirar a roupa e obedeci ficando sá de sutia, ele me apalpava o tempo todo me apertando das pernas até os seios, tirando eles de dentro do bojo do sutia. apertava minha bunda enquanto me beijava, puxava as minhas nadegas num movimento que deixava meu cu todo a mostra. em seguida me fez sentar na cadeira de pernas abertas e ajoelhou me chupando maravilhosamente, o tesão aumentava cada vez mais, e eu gemia feito uma putinha no cio, pensava na loucura que tava fazendo mais ao mesmo tempo pensava na vingança do meu marido e isso me deixava mais a vontade para prosseguir. e ele continuava a me chupar, quase gozei e ele percebeu, levantou -se e não pensou duas vezes, colocou uma camisinha naquela rola grossa e meteu com vontade na minha bucetinha melada, eu dei um gemido forte e ele começou a meter com força e fundo. ele segurava nos braços da cadeira e mantinha minhas pernas sobre eles, fazendo eu ficar toda arreganhada. ele metia fundo e me pressionava contra a cadeira, me beijando e falando palavroes na minha orelha. eu o envolvia com os braços e arranhava suas contas, ele sentia minhas contrações e logo começei a gozar, gemendo muito e tendo esparmos de prazer, tremendo na pica dele, ele entendeu muito bem e aumentou o ritmo das estocadas. aumentando meu prazer e logo gozou dentro da camisinha no fundo da minha buceta. sentia ele jorrar e pulsar dentro de mim, tinha muita vontade de sentir ele sem camisinha, mais não quis arriscar. Ele gozou gostoso e ficou em cima de mim, me beijou por mais algum tempo e saiu de cima, me puxando da cadeira, e me dando um tapa na bunda me chamando de safada. eu tava um pouco envergonhada com a situação e queria sair logo dali, tinha medo de alguém ver e tal. me vesti e fui para casa com a buceta toda melada e calcinha suja. depois desse episádio não nos encontramos ainda, mais continuamos as sacanagens pelo msn. Aindas não apareceu plantão lá. mais se rolar, vou dar de novo pra ele...



espero que tenham gostado.



me escrevam [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


cotos heroticos gay neguinho me comeuCU arrombado ABERTO madrasta contoVidios porno meu irmao cravo tudo emincoroa de cabelos branco enchuta dando gostosogoza nuoutro egravidaconto minha esposa rabuda deu pra familia todo na salacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteTRAVESTI CHUPÁ OUTRO TRAVESTI E BEIJO NA BOCA E FUMANDO O CIGARRO contos de envagelicas encoxadas e fudidas na frente do maridocasadas safadas me deu a calcinha usadas contos eroticose Deus que cavalo inteiro transando ai ele tem pinando amolecer botar a mão na orelha Ela empinaHistorias eroticas Swingconto eroticos sem maldade senti que os dedos tocavam minha xoxoraContos fulerascontos eroticos rex meu donocontos eróticos de estrupo3amigo chupa paus amigoscomtus eroticu troca de esposa comvidamos um casal de amigu pra jantarconto erotico eu peguei meu pai comendo cu da nossa empregada na marracontos mulher baixinha e arrombadave porno com viadinho reganhado escorreno porrameu marido adora me ver toda gozadaporno nao aguentei resistir contoscontos porno dava pro meu padastrocontos de velhos mamando seios bicudoscontos meu padrasto so queria as pregascontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentebucetas carnudas grandes beicos casadas cornoscontos eróticos trair namorado atrãocontos eróticos eu com meu 30cm comen minha prima no sofá de casaconto erotico mamae viu eu comendo o papaidespedida de solteira com noiva pegando no pau dos stripsbuceta cheia de porra corno contos cconto erotico orgias okinawa.ufa.rudei pro cara da vendinha contos eróticoscontos eroticos .na pica do meu filhãopau grande enfiadi. todo nicucontos eroticos bebadaesposa puta negao contoscontos de mulheres dando a bocetavestindo de mulher e dando o cuzinho contocontos eróticos. incesto ,adoro ver meu filho a comecontos eróticos comi so o cu da aluna do vôleicontos de coroa com novinhosonifero filha caçula contoFilmei minha chupando estranhos na porta do carrocorno obrigado a chupar pica contocontos gay fui comida por um cachorrofilme de sexo com homens acordem no pênis grossoviajo da bundona aqui na Dona a mostrando o c*eu falei Jaime de bucetaContos,erotico de mulher casada da na,zona,ruralcontos minha melhor amiga ficou se esfregando no meu paucontos velha casada fudendovidio porno enchada qualculadafotosesposas de cornos bucetas cheias de porraContos maes dando cucontos er dirigindo no coloconto commeusirmãoscontos eroticos minha tia tomando banho de solvendi a buceta/contoume homeme chopano uma buseta da mulhe ate ela gozaconto gay ciumes exageradocontos eroticos arrombando a gordaReparei maquina de lavar para minha tia conto erodicocache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html contos gay limpar a casaDeusa mulata levando pica branca na bucetacontos de sexo rapidinha com a cunhada na cozinha enquanto meu irmão tomava banho no banheiroConto erotico crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos de zoo dei a buceta pro cavalocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto comi cliente da minha mulherpeito bicodu sexcontoseroticosdeflorando