Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMENDO A DESCONHECIDA

Já publiquei outros contos por aqui, mas para quem não conhece me chamo Juliano, sou baiano, moreno, tenho 1,83 de altura e 33 anos. Este fato aconteceu em uma cidade do interior da Bahia em um final de semana do mês de maio de 2000. Sem ter uma programação em mente resolvi passear um pouco pela cidade. Depois de algum tempo perambulando pelas ruas, notei uma mulata muito gostosa vindo em minha direção. Ela tinha cerca de 1,60 de altura, seios bem durinhos, cintura pequena e um belo par de pernas grossas. Usava um vestido curto decotado e uma calcinha minúscula enfiada no rabo que mostrava um bumbum redondo e empinado. Certamente era uma gata de academia.



Fui ao encontro dela com a velha desculpa de perguntar as horas. Ela respondeu e para a minha surpresa perguntou qual era o melhor lugar para se divertir na cidade. Percebendo que a gata era de fora me apresentei. Ela disse que se chamava Rita, era de Salvador. Eu disse a Rita como ela era bonita, simpática e muito atraente. Rita me olhou com cara de safada e sem que eu esperasse lascou-me um beijo de língua. Andamos até chegar a uma parte mais escura da rua. Encostei a vadia em um muro e aproveitei para dar um amassos mais ousados. Arrisquei passando a mão na bunda dela, primeiro por cima do vestido e em seguida por debaixo enfiando o meu dedo no seu buraquinho. Ela começou a rebolar e passou a mão no meu pau. Vendo que a puta estava gostando a levei para a pousada mais perto.



Ao chegar no quarto Rita sentou na cama, baixou minhas calças, foi logo pegando o meu pau que já estava duro.

“– Nossa, disse ela, como é grande e grosso”.

Caiu de boca com profissionalismo, lambendo a cabecinha, em volta do pau, chupando com vontade.

Eu gemia dizendo: “– Este pau é todo seu.

Era uma verdadeira puta na cama. Ela chupava o meu pau, minhas mãos massageavam a buceta, deixando-a molhadinha. Tiramos nossas roupas. Eu fui para cima dela, passei a língua na sua orelha, ela se arrepiou toda. Lambi o seu pescoço, desci até os seios, ela de olhos fechados contorcia de prazer.



Cai de língua na bucetinha. Sem medo enfiei a cara e Rita gemia alto “– Que tesão, assim você me deixa louca”. Que bucetinha saborosa, enfiava um dedinho na grutinha enquanto. Puz a camisinha com certa velocidade, ajeitei a gostosa na posição frango assado, coloquei a cabecinha da pica na entrada da sua buceta penetrando bruscamente. A buceta era apertadinha, isso aumentava ainda mais o prazer que sentia no vai e vem da minha pica.

“– Toma pica, não é o que você quer?”.

Ela respondeu “– Fode minha buceta”, “– Come sua puta”.

Depois de um tempo na posição frango assado, virei a safada para cima e a fiz cavalgar no meu pau. Ela pediu para não me mexer, a vadia subia e descia com vontade no meu pau duro, pedia para dar uns tapas na sua cara. Fiquei sabendo neste momento que cavalgar era a sua posição predileta. Sem tirar o pau de lugar a virei de quatro, a minha posição favorita. De quatro metia na sua buceta e dava tapas na sua bunda, e que bunda. De vez em quando retirava o pau da buceta e voltava a meter com força. Continuei nessa posição até a gostosa dizer a palavra que amo tanto:

“– Come o meu cu”.

Comer aquele cu era o que mais queria. Posicionei minha pica na entrada apertadinha enfiando devagar. Ela não sentiu uma dor sequer. Comecei devagar depois dei umas estocadas mais fortes. A minha pica preenchia por completo aquele buraquinho maravilhoso. A gostosa gemia alto. Ela pediu para que eu descesse da cama, ficasse de pé para penetrar melhor. Ela veio para a beiradinha da cama, ajeitei novamente a minha pica no cuzinho dela e penetrei novamente. Não consegui mais aguentar e disse que iria gozar.

“– Goza na minha boquinha, quero leitinho”. Fiz o que ela pediu. Coloquei a minha pica na sua boca jorrando leitinho quente. Ela engoliu não deixando cair nenhuma gota.





Você safada que gostou deste relato verídico pode entrar em contato comigo:

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto gay cdzinha puta dos homenscontos abusadoComtos eroticos dei pro tio jorge com pau minusculobuceta inchada da cunhada...contoscontos eroticos minha sogra quis eConto de gang bang no posto de gasolinacontos eroticos com cavalofilho tirando a calcinha da mãe . ...mas mesmocontos gay puta obedientecontos eroticos fazendo o bico dos seios dando de mamarconto minha tia de calcinha andandopassinho de várias lésbicas se chupando uma volta sem pararcontos das bordas da conaelena senta na pica durapai é gostoso contos eroticosme fez de puta e me estrupkCONTOS EROTICOS pivetes safadoscasa dos contos eroticos/Três é demaishistoria de contos eroticos com pasteleirocontos erotico humilhadacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteLoira de itanhaem mostrando os peitosconto de esposa vendo seu marido na rola de outrocontos fudedo mãe do meu chefecontos de incesto genro que comeu a sogra na area da praiaconto erotico minha irmã casadacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eróticos não queria gozou dentroassistindo mais meu padrasto coladinho e ele de pau duro contos eroticoscu ardidocomtus erroticu mulhe casada foi faser carinho no seu cachorroContos eróticos teens contos gays neguinho do pinto grande me comeuconto pedi chifreComo e bom fuder com o velhinho contoscontos de coroa com novinhocontos eroticos troquei marido pela vizinhaesfrega esfrega na bunda da minha cunhada no ônibus lotadocontos flagrando a mãe cavalona traindo o pai contos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteConto erotico bunda a enteada mas velha.    naturista contoscontos eroticos de negros em hospitaisver relato picantes da professora transando com a aluna sexoQuero transa com minha prima que estar gravidaghupa ghupi porncontos mulher casada da o cu pro cãocom amigo na praiaconto eroticotesao em apanhar de havaianas contoscontos eroticos esposa na de bronzearcomessei a alizar o pau do marido da minha tia contocontos eroticos na pintura comi a patroacontos eroticos de cornos inocentesmeu sobrinho de treze ano conto gaycontos eroticos tava todos na praia eu vim buscar minha sogra que tava trabalhaconto+fui+arebentada+negro+meu+maido+adorouver coroas no baile de Carnaval chupando pau passando a língua no sacovídeo de pornô com as moletinho as mulatinha pornô vídeos sexoconto erotico com padrastoo cu da morena saio sague de tanto fura porno doidocontos eroticos me comeram feito puta e chingada de vadia e cadelacontos minha filha olhou em dandoeu meu marido e a ex noiva lesbica delefui afeminado por uma dommevideo de porno com machos a força brutamenetequero assistir uma mulher gritando e gemendo na cabeça da Chibata do pônei do cavalo pôneicontos eroticos empregadaconto erótico viadinho que adora apanhar e ser humilhadocontos de lesbica chupando a buceta eo cu da outracontos eroticos papai 40 amigas i eu arrumamulher sentando na embragem com o cu e buceta cache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html Contos eroticos de comi a bunda do professorcontos a mulher casada aiiiiiiiiiiii meu cuuu ai vou fala para meu maridocontos/flagrei minha prima dando para dois negoesesposa safada fudendo na fazenda contoscontos eroticos arrombando a gordacontos com caseirovanessa traindo hoje com leo cunhado do corno spContos eróticos minha mulher apanhandoesposinha chorosa: contoscontos erotico d minha empregada e travesti negra linda virou minha putinhaconto gay manaus ponta negrafoi da aboceta vije e a rombochute no saco contos pornocontos eróticos no 110 ano sendo tio no banheirocontos er apaga a luza bucetinha linda da sobrinha novinha contoscontos sobrinho moreno loiracontos eroticos tio da escola