Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU E MEU AMIGO NOS DESCOBRINDO

Vou contar a histária de como tudo aconteceu entre eu e meu amigo João(nome fictício). Na época, tínhamos uns 19 ou 19 anos, mas uma coisa q sempre gostamos foi de assistir filmes porno juntos, mas cada um na sua. Assistíamos o filme, batíamos uma punheta e pronto, cada um na sua. Pois bem, um certo dia, estávamos numa festa na minha casa. A galera no quintal se divertindo e o João chega e conversando normal. Ele falando:

-nossa, hj eu to com um tesao!

Eu eu fiquei na minha, tranquilo.

Ele começa a contar a transa q ele teve com uma menina uns dias antes, falando q foi muito bom. Contava detalhes, o q estava me deixando exitado e ele tb estava ficando cheio de tesao. Ele contando e chegou ao ponto q estávamos cheios de tesao. Resolvemos ir no banheiro bater uma punheta. Pegamos e fomos para um banheiro dentro da casa, longe dos convidados da festa, ate pro pessoal não ter uma impressão errada da gente, ora sá, dois homens dentro do banhero! Entramos no banheiro e eu sentei na privada e comecei a bater a minha punheta, enquanto isso João ficou na pia, batendo a sua por lá. O banheiro era grande, ficávamos a quase dois metros distantes um do outro. Não tínhamos vergonha pq já estávamos acostumados a fazer isso. Era uma punheta sá pra relaxar, aliviar o tesao da histária do João comendo a menina. Eu batendo a punheta, na minha, e o João na dele. Porém não pude resistir de olhar o pau dele. Não sei o q houve, estava eu batendo uma e olhando akele pau, q não era grande nem pequeno, cheio de pentelho, devia ter uns 19 ou 18cm. Logo eu já não estava mais com a histária da transa dele na cabeça, e sim com akele pau na minha frente babando p mim. Eu não conseguia tirar os olhos. O João percebeu, continuou batendo a dele mas olhando tb pro meu pau. Nos vimos cheios de tesao, mas um pelo pau do outro. Ele sem falar nada veio em minha direção, colocou akele pau na minha frente, deixando a disposição, práximo de mim. Akele pau babando, cheio de tesao, louco para ser chupado. Eu cheio de vontade, já embriagado pelo desejo, não fiz de rogado. Olhei pro João e vi o desejo na cara dele, com akele olhar de CHUPA. Peguei o pau e enfiei na boca! Mamei como se o mundo fosse acabar. Q delicia! Sentia akele membro quentinho invadindo a minha boca, e eu num vai e vem desesperado, louco de vontade. Eu estava totalmente fora de si. Quando dei por mim eu já estava chupando o pau de um homem há mtu tempo. O João estava coberto pelo tesao. Socava o pau na minha boca, como se tivesse fudendo ela. Ficamos assim uns cinco minutos e ele pediu p eu levantar. Levantei do vaso e ele sentou. Fiquei em pe na frente dele. Ele olhou p mim como se disse-se: agora é a minha vez! João abocanhou o meu pau e foi frenético, engolindo, morto de fome, estava num desespero, sedento por um pau. Eu estava louco. João estava me saindo um átimo chupador, mtu melhor q muitas meninas q eu havia comido. Um vai e vem doido. Eu já estava a ponto de explodir de tesao! Nem acreditava q tinha um homem me chupando! João me chupava e ficava passando a mão na minha bunda, alisando. Derrepente senti seu dedos passando no meu cu. Tentei resistir, mas o tesao foi mais forte. Tirei o pau da boca dele e dei meia volta, ficando com a bunda voltada p cara de João. Ele começou a beija-la e eu enclinei, oferecendo meu cu. João começou a passar a língua, a lamber o meu cu. Fui a loucura! Depois de umas boas lambidas ele enfiou o dedo e começou a me arrombar. Eu estava doido de tesao, não estava aguentando mais. Falei: come o meu cu! Nunca imaginei q falaria essa frase. João levantou, me encostou na parede, eu dei uma inclinada e ele foi encostando akele pau no meu cu, já lubrificado de tanto ele lamber. Aos poucos fui sentindo o pau do João cada vez mais dentro do meu cu, me invadindo. Estava vendo estrela! Q tesao! É bom demais! João começou a socar no meu cu, desesperado. Estávamos num tesao q nunca senti antes. Um vai e vem gostoso, frenético. Estávamos controlando os gemidos p não chamar a atenção. Ele me fudendo desesperado, derrepente, sem anunciar, João joga um jato de porra dentro do meu cu. Eu senti akele líquido quente invadindo meu cu, me fazendo delirar de tesao, de desejo. Tirei o pau dele do meu cu e virei o meu pau para ele, anunciando q eu iria gozar. João logo abaixou, abocanhando meu pau, e levando jatos e mais jatos de porra dentro da boca. Nunca havia sentindo tanto tesao assim na minha vida! Eu estava com o cu escorrendo porra e o João com a minha porra escorrendo pela boca. Depois disso q fomos nos dar conta do q havia acontecido com a gente. Mas foi aí q tudo começou: passamos a seu "amantes" depois desse dia, mas aí já é outra histária!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


vidio antigos onde duas mulher chamos alguns homen pra transaren no sulper mercadinho xvidiocontos eróticos Simone só dorme si chupar o pau do papaicontos eroticos castracao com medicafui passear nas férias e trai meu corninhocontos eroticos eu ea minha mulher gostamos de rolasrelato erotico calcinha fio dental da madrinhaconto gay depilando o camaradaconto erotico gozar dentro bucetasempre fui safadinha contos contos eroticos arrombando a gordamamadas seios contos coroasminha filha veridicocontos eroticos noivas.boqueterascontos eroticos tia tucaconto erotico era swing cornomorando sozinho com irman gostosa contocontos incesto mãe fofinhapornocontossiriricaFiquei parado olhando a bunda delacontos eróticos cuzinho da mamãemuleque batendo punheta contoscontos heroticos peitõesvendo namorada pau grande grosso traindo gozada porra contoscontos eroticos, venerava meus mamiloscontos er apaga a luzcontos eroticos arrombando a gordacontos calcinhahistoria comendo eguaContos eróticos deixa eu ver só um poquinhocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos de incesto minha filha sendo comidaContos enfiei o dedo no cu do meu marido ma frente do meu amantemeu marido pois pinto na boca da nossa filha contoswww.contopadrinho.comeu curto cunhado faz chantagem para comer a cunhada casadacomendo a puta contos eróticoszoofilia googleweblight.comConto comi a familia todaconto erotico com padrastoexperimentando a bundinha da garotinha conto gratisEMPREGADA FAZENDO MALDADES COM A FILHA DA PATROA CONTOS EROTICOSvomitando contos eróticosencoxol com jatos de porraconto erótico meu genro me transformou em p***contos-gays fui arrombado por um bombeiro no motelContos iniciano as garotinhasconto de comi o cuzinho de um garoto novinho que chorava na pica grandeminha cunhada mim chamo pra trnzarcontos eroticos gay meu tio de dezessete me comeu bebado quando eu tinha oito anoscontos/piroca grossa/dp/arragassa a buceta no 69 e mete a boca a linguaviajando com a sogra conto eroticocontos de incesto de encoxada em onibuscomendo o primo e olhando pela janela contos eroticos minha sogra quis econtos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteputão na vara contoscontos eróticos sobre irmã bucetudaconto erotico ele pediu pra bater umazinha pra elecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteMeu nome é Suellen e essa aventura foi uma delícia.rnSempre nos demos bem, erámos vizinhos e amigos. Eu tinha 18 anos, ele 16. Nossas casas são práximas, tanto que a janela do quarto dele dava pra janela do meu quarto. Eu sempre gostei de provocá-lo,minha dani me fodeu me quando dormicontos betinha vendo irma fodendoeu sem querer transei com meu sobrinho contos eróticoconto erótico sou casada gostosacontos eroticos fodir ater perde a vondeContos com cadelashistorias pra gozar minha menina de 19 aninhos e delirarcu arrombado de gorda contosconto banho com a namorada na academiahomem colocou sua picA ENORME NA XOTA DA CABRITA ENFIO TUDOfoda cadela mijo gostos vidio zofilahistorias verdadeiras de maridos que fragaram as esposas dandoConto erotico levantaram minha microsaia e me comeram gostosocontos gay com a mulher em casaMuller casada quer jumento para me ter nelaconto gay depilando o camaradacontos eroticos cadtigando o cuduas munhe vai calvaga i da pra a cavalo fude ate goza zoolContos eroticos novinha desmaia de tanto gosatravesti linda barriga de tanquinho gostosa metendo vídeo liberado metendo gostoso peitudacontos eroticos apostei meu marido e pedircontos chantagiei minha mae e mi dei bema foder a policial na rua contoseu quero ver eu quero ver o Chaves fazendo filmagem da Chiquinha do Chaves com a rola bem grossamamando na vara feita bezerrinhaele pega ela nos ombros pra chupar sua bucetacontos eroticos incesto fudendo minha filha com meu melhor amigoEu morava sozinho minha aluna do cursinho ela veio morar comigo ela agora ela e minha mulher conto eroticocontos de insesto fatos.comreais