Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O CARA DO METRO

Sempre trabalhei distante, e sempre embarquei no metro no mesmo vagão, e no mesmo horário.rnCom o Tempo passei a observar que muitas das pessoas que embarcavam no vagão eram sempre as mesmas, e mais do que rápido identifiquei oque passei a tratar em pensamento de APOLO, um negro mais ou menos 1,90 de altura, malhado, bem vestido e muito cheiroso, trocamos alguns olhares e sorrisos discretos durante algumas viagens durante umas 4 semanas, pois entravamos no metro em portas diferentes e ficavamos distante, durante esse tempo notei que ele sempre desembarcava 1 estação antes da que eu desembarcava.rnMais ou menos no meio da quarta semana notei que ele embarcou na mesma porta que eu e gentilmente permitiu que eu entrasse na sua frente e propositalmente se colocou bem atras de mim, neste dia pude sentir seu cheiro e sua respiração bem perto da minha nuca, o que me fez molhar a calcinha na hora e ficar de pernas bambas.rnNo dia seguinte da mesma forma ele entrou no trem atras de mim no entanto os trens naquele dias estavam mais cheios e foi inevitavel ele se encostar bem mais em mim, como ninguem estava notando ele passou a mão em torno da minha cintura e me apertou contra seu corpo neste momento senti que ele estava muito exitado, aproveitando a oportunidade de estar com a bunda encaixada nele e dei uma reboladinha,nessa hora ele deu uma gemidinha discreta e colocou algo no meu bolso, soltou da minha cintura e desembarcou como fazia todos os dias, ao desembarcar verifiquei no bolso o que ele tinha colocado.rnEra um cartão com telefone e um endereço, no verso um recado escrito a caneta com horário escrito " Te espero lá".rnNo Dia seguinte desembarque na mesma estação com ele e seguimos para o endereço do cartão, sem trocarmos nenhuma palavra, era um escritário onde ao passar pela porta notei que ele estava segurando seu cacete enorme por cima da calça, minhas pernas estavam tremulas, mais eu estava muito exitada para desistir naquele momento, ele então passou por tras de mim e me encoxou deliciosamente me fazendo gemer de tesão, ele estregava o pau na minha bunda e apertava meus seios com uma respiração muito ofegante, a primeira palavra que ouvi da boca dele foi: "- Quer meu pau?". a respota foi imediata "-Sim, sim, quero muito quero tudo dentro de mim!rnEle me empurrou para uma mesa que estava proximo, levantou minha saia tirou meus seios de dentro da blusa, abriu minhas pernas, e começou a passar o dedo na minha xota, neste momento me virou de frente para ele, me sentou sobre a mesa de pernas abertas, tirou a vara de dentro da calça e começou a passa-lo na minha xota me fazendo implorar para ele me comer, ele colocou a cabecinha do pau na minha xota puxou meu cabelo e gritou "pede, pede vara sua puta" e antes que eu atendece seu pedido ele socou sua vara enorme na minha xota rosadinha me fazendo delirar de prazer, ele gemia muito gostozo e respirava ofegantemente, quando eu estava enlouquecida de prazer ele levantou as minhas pernas lembeu o dedo do meio de uma das mãos e enfiou no meu cuzinho bem de vagar, eu era virgem de cu e fiquei com um pouco de medo de ele me enrabar.rnMais o vai e vem do dedo dele foi tão bom que me fez relaxar e pedir para ele me foder bem gostozo, não foi preciso falar duas vezes, ele enfiou sua vara na minha xota melada e em seguida enfiou a cabeça no meu cuzinho que piscava de desejo.rnNo inicio confeço que doeu um pouco, mais logo fui tomada por um prazer incontrolavel com os gemidos deliciosos e os elogios ao meu corpo e ao meu cuzinho que ele fazia, fui ao delirio quando ele me fodendo gostozo no rabo fez eu chupar o dedo dele e enfiou na minha xota e com o outro dedo passou a massagear meu grelinho.rnOs meus gemidos passaram a ser gritos de prazer e neste momento pude sentir dentro do meu cuzinho o jorro forte do prazer daquele negro delicioso que gruinha de prazer.rnDepois desse dia sempre que tinhamos vontade de trepar gostozo ele me encoxava no metro, fomos saber os nossos nomes aproximadamente umas 2 semansa depois, depois de varias encoxadas no metro e varias trepadas matinal.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


fotos e vidio e contos eroticos estava sucegado em casa quando minha irmã começou a me procaros nomes dos geladinho do ice lokocontos lesbico eu a mulher do traficantebisexual contoscontos papai meu irmaozinho que vira mulher como o cusinho dele vaiarregaçando, chorando e gozou contosContos erotico viado e corno no hotel dividindo quartoconto virgem enrabadaminha mulher quer dar o cu p outro na minha frentemeu filho mete o dedo no meu cu e eu gostocontos eroticos fui me ensinua para o papai e acabeimulhe sora no pau fudedocontos minha sogra me vendeu seu cuzinhomulher chupa o peito da outra ate ela gemerandava só de cueca no carro. conto gay teenpresenciei minha mãe ser arrombada contoscunhado pegou a cunhadinha mimada e meteu a rolawww.contos eroticos policiais.com.brarregaçando conto heteroConto porno marido repartindo a mulher com cachorro de rua zooloira cris casada fode com negao contos eroticosdesde pequena adoro ser cadelaContoserotcos nudismo em famíliajapinha.de.baixo da mesadescasados do litoral bundudacantos erótico comendo a mãe e a irmã juntoConto gay incesto rocaWww.xoxotinhanovinha.coma minha esposa foi a praia de fio dental e o punheteiro vez a festa. contos eróticoscontos eroticos bebadaler contos de jovens heteros iniciados por outro jovem no sexo gayContos eroticos seios vermelhos tio e sobrinhaconto iroticos comedo minha entiada novinhacontos incesto sogras gordascontos meu tio pauzudo fodeu minha mulher e filhacontos eroticos de farmaciaConto erotc gay e um abobinhacontos eroticos gays,tio jorge me feis mulhersinhaContos eroticos interraciais no escritoroscontos eroticos me xinga de piranha puta e meu marido de cornoContos eroticos de negros dotadosChaves com tesão de Chiquinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos dei sonifero e comi o cu pornocontos eroticos minha baba gostosa perdendo minha virgindadefingi que dormia e meu pai meteu seu psu em mimminha mulher adora ser brechadaver contos eroticos de empresários comendo o cu de.funcionárioscontos de tirador de cabaçotravestis da general carneiro sorocabavideos porno pai afunda as tanga da filha virgemcavalo goz de kuatu bucetacontos eroticos porno de pirralhas inocentessapata velha greluda e ninfetamulher crente traindo o marido conto eróticocontos eróticos gay marombascontos gays pedreiroscontosesposasnapraiaconto cheiradorcontos eroticos vizinhas camaradascontos pequei minha prima com o namorado dela e chantajiei elacontos de surubas inesperadas com esposacontos eróticos esposa disfarçadocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos er padrasto estuprconto gay pirocudo da academiacontos gay chupei o pau do borracheirocontos eroticos garotinhacomi a amiga da minha namorada contosContos eroticos orgia forçadaconto erótico vestir roupa de menina sair na ruacontos eroticos me comeram no trabalhozoofilia co caxorros das rolas mas grosas mudujaponesas babys fazendo zoofilaContos eroticos seios mautradosContos erotico desvirginei as filhas do meu amigocontos eróticos no cu com cachorroscomendo a mae contoscontos eróticos de estrupocontos eroticos meu irmaozinnho me mostrou o seu pintinhocontos eroticos arrombando a gordaveio ate meu quarto pelada e me agsrrouo tempo em que ele para e diz"essa buceta é minha"contos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteRelatos de sexo com primas novinhascontos eroticos esfregando devagarinho o pau por trasvidio antigos onde duas mulher chamos alguns homen pra transaren no sulper mercadinho xvidioComo ter pernas grossas e quadril largo em 1 mêscontos dei pro mulequinho de ruacontos quando eu era pequeno meu colega me comeufui iniciado conto realcontos eroticos troca de casais entre cunhadosconto erótico devide a minha esposa com meu paihomen preto com olhos castanhos peladinhoscontos encoxada com o maridosadomasoquista gozando com garrafa enfiadacontos eroticos de negros na praia de nudismo