Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

KATARINA A ESCRAVA

rnKATARINA A ESCRAVArnBem, seguindo o conto anterior ME DESCOBRI DENTRO ÔNIBUS.rnMe chamo KATARINA, tenho 25 anos, branquinha da pele bem alva, 1.60 de altura, cabelos escuros longos, pernas torneadas e grossas, bunda bem volumosa e durinha, seios firmes com as auréola bem ráseas, apesar da pele branca, com um bico bem protuberante que às vezes me denunciam, causando-me um certo constrangimento, posto que sou evangélica e nunca fui muito voltada para assuntos de natureza sexual, mas sempre busquei cuidar do meu corpo como uma mulher vaidosa, enfim tenho um corpo bem bonito como qualquer moça da minha idade, produto também da boa genética de família.rnrnComo disse no conto anterior, conheci HUGO dentro de um ônibus e alí mesmo ele me comeu, naquele momento descobri que apesar de casada queria me liberar totalmente, mantendo apenas as aparências com meu marido LUCAS por necessidade junto à família. rnrnHUGO tinha filmagens da foda no interior do ônibus e ameçou de entregá-las ao meu marido, determinando que eu fosse encontrá-lo sempre que ele quisesse e no momento em que ele determinasse, não tinha como escapar pelas filmagens e pela paixão que sentia por ele, então resolvi obedecê-lo sempre. No início eu fiquei apavorada, mas depois da segunda foda a coisa tomou outro rumo e começei a desejar esse homem com todas as minhas forças, sempre que podia eu arranjava um jeito de encontrá-lo, entretanto, com o tempo HUGO foi ficando perverso e sádico, pois percebeu que tinha total controle das minhas ações, apesar do meu casamento. Certo dia ele disse que estaria me esperando no ônibus de retorno para casa e eu deveria ir para o trabalho de saia, sem calcinha e sem soutien, avisou também que estariam no ônibus os amigos dele, três ao todo, conforme o primeiro conto. Nesse dia ao sair eu tirei a calcinha e guardei no meu trabalho, tomando logo em seguida o ônibus, como sempre totalmente lotado, ao chegar no fundo do ônibus, onde nos encontrávamos, pude perceber que HUGO estava sentado na companhia dos colegas que ficaram em pé para dar um pouco de cobertura, ele falou para eu entrar na rodinha e ficar em pé mesmo que os seus amigos iriam desfrutar um pouco. Nisso MARCELO, o único negro do grupo, colocou-se atrás de mim e começou esfregar o pau na minha buceta, HUGO ficava na frente apalpando os meus seios por debaixo da blusa, eu segurava nos encosto dos bancos e sentia a rola de marcelo invadinho a minha buceta que nessas alturas já estava ensopada, MARCELO aproveitava o balanço do ônibus e enfiava com gosto na minha perereca, realmente estava uma delícia. Nesse momento HUGO me disse que hoje ele iria comer o meu cu de qualquer jeito, porque já fazia tempo que ele estava planejando isso, nisso eu disse a ele que meu marido me esperava em casa, quando ele retrucou e disse prá ligar e avisar que iria atrasar porque tinha dado um problema na empresa. Temerosa e ainda com a rola do MARCELO dentro da minha buceta e os outros dois pegando no meu peito, eu liguei para o meu marido, um sensação indescritível, LUCAS meu marido reclamou, mas como não tinhamos mais um bom relacionamento ele acabou concordando. Estava ainda falando com meu marido, explicando os detalhes, quando MARCELO socou violentamente o pau na minha buceta e gozou um rio de porra, nesse momento eu quase gozei também, mas consegui me controlar, foi quando meu marido perguntou se eu estava bem, se tinha acontecido alguma coisa, imediatamente o outro garoto, chamado AILTON posicionou-se atrás de mim, subiu mansamente a minha saia e socou violentamente a sua pica na minha buceta, aquilo tudo estava me levando à loucura, HUGO a todo tempo apalpava os meus peitos que já estavam com o bico parecendo um dedo polegar de tão inchado, AILTON, desvairado parecia não se importar com os outros passageiros, ele socava com violência, às vezes quase me empurrava para cima de HUGO que continuava sentado mexendo no cacete, entretanto, a viagem estava chegando ao fim e AILTON foi obrigado a guardar o pênis, minhas pernas estavam trêmulas e cheias de porra do MARCELO, mas a sensação estava átima, apesar de eu estar apreensiva, pois nunca tinha feito anal.rnrnChegando na parada descemos todos e HUGO me levava para um prédio abandonado perto da parada, onde eles já haviam preparado toda a cena, com um colchão velho encostado na parede, eu que era casada, recatada e religiosa estava sendo obrigada a me submeter naquele momento. Como disse anteriormente adorava e estava sendo obrigada a obedecer, uma garota linda de rosto angelical de boa família, em todo o trajeto eu fui bolinada e beijada, todos insistiam em pegar na minha bunda, enfiar o dedo na minha buceta e até tirar meus peitos prá fora e chupá-los alí mesmo na rua, teve um momento quando nás passavamos por uma praça deserta o HUGO sentou em um banco tirou o pau prá fora da calça e mandou que eu chupasse, eu não tinha experiência com aquilo, mas achava tudo delicioso e tentatava não decepcionar o meu dono, nisso AILTON que ainda estava louco de tesão, atoxou a sua rola na minha buceta, dando seguidos tapas na minha bundona gostosa, deixando ela bem vermelha, minha buceta exalava um cheiro forte de porra, mas tudo isso era festa pra eles, MARCELO do meu lado pegava em meu peito enquanto o mais novo FLAVIO, pegava o outro peito, eu era a dona do pedaço, servia ao meu dono, mas adorava toda aquela bolinação, meu corpo já começava a sentir os efeitos, principalmente meus peitos que já estavam inchados de tanto serem mordidos, chupados e apertados, caso meu marido quisesse trepar quando chegasse em casa não sei como explicaria aquilo tudo, minha buceta então já estava escancarada e HUGO que tinha a maior pica não tinha me comido ainda. Mas voltando da a cena, eu chupava HUGO enquanto AILTON bombava atrás de mim e bombava mesmo, o garoto tava num atraso doido, pois gozou um rio de porra na minha buceta, esclarecendo que nenhum deles se preocupou em momento algum em colocar a camisinha, toda a porra era despejada dentro da minha buceta sem nenhum pudor. Apás a gozada seguimos para o prédio abandonado, flavio acabou me comendo antes de HUGO resolver me descabaçar no cu, juro que nesse momento eu estava apreensiva, HUGO pediu que eu fosse no banheiro e me lavasse um pouco, ao retornar cai de boca naquela piroca imensa, imaginando a dor que sentiria quando ela entrasse. HUGO demonstrando ser realmente sádico, mandou que os colegas me preparassem, quando eles passaram então a me chupar, MARCELO na buceta, AILTON nos peitos, eu chupava o pau de flávio, me sentia naquele momento uma puta incomparável, de tempos em tempos eles se revezavam, mudando de posição, apás um tempo HUGO aproximou-se e colocou aquela pica enorme na minha boca, o pior de tudo e que ela tinha uma cabeça que parecia mais um cogumelo, enorme, além de grossa. Ele então me colocou de quatro no colchão e começou a chupar o meu cú... noooooosa que sensação deliciosa.... chupou muito e deixou ele bem lambuzado de saliva, começou então a encostar o cacete, literalmente um cacete, MARCELO apesar de negro não tinha um cacete tão grande quanto o do HUGO, devagarinho ele foi empurrando, empurrando, mas nada de entrar, pediu que eu relaxasse e continuou mexendo no meu cu, nesse momento MARCELO veio pela frente e mandou que eu o chupasse, enquanto HUGO continuava empurrando, chateado com as minhas esquivas ele então me segurou pelo pescoço e apontou a chapeleta no meu cu e forçou com determinação, nesse momento eu quase mordi a pica do MARCELO, as lágrimas correram dos meus olhos, HUGO deu uma paradinha e começou alisar a minha buceta com a mão e continou entrando, arrebentando todas as minhas pregas, um filete de sangue começou a surgir pelas minhas pernas, mas HUGO continuava com o avanço, até o momento em que senti as suas bolas baterem na minha buceta, ardia como nunca, mas como boa escrava eu aguentei o tranco. HUGO então começou a entrar e sair devagarinho, cada movimento parecia que ia me virar do lado avesso, ardia demais, acho que doeu mais porque a rola dele é enorme, ele sabia disso e sentia prazer em comer o meu cú, de repente a dor foi dando lugar ao prazer e ele começou a bombar no meu cú com força, fazendo um estrago que nunca mais poderia ser corrigido, bombava repetidas vezes, passou a ficar histérico e já não se importava com dor que eu sentia, ele bombava atras e marcelo socava o pau na minha boca, os outros dois para não ficarem de bobeira começaram a bolinar os meus peitos, os quais já estavam tão inchados que precisaria de uma semana para sarar. HUGO me comia como um desvairado, socava e me chamava de vagabunda, dizendo: "agora voce é minha escrava, vou comer esse cu em qualquer lugar e quando eu quiser, seu marido viado não pode nem tocar nesse cu, ele é meu, vagabunda". Eu estava adorando, ele estava rompendo o último lacre da minha vida recatada de religiosa, a partir daquele momento eu estava me transformando numa verdadeira puta e escrava e adorava tudo aquilo.rnrnEm dado momento HUGO tirou o pau do meu cu e deitou-se no colchão com o pau prá cima, mandando que eu sentasse no seu pau com o cu totalmente arregassado, sentei na caceta e comecei a cavalgar, quando ele falou pro MARCELO enfiar na minha buceta, em uma noite eu perderia o cabaço do cú e faria dupla penetração. Eles estavam todos alucinados, o bico do meu peito que já era enorme parecia uma pedaço de salsicha, estavam super inchados, minha buceta totalmente escancarada, aberta mesmo, e o meu cu totalmente dilacerado, como dizem eu estava totalmente arrombada, nunca pensei em levar tanta rola em um dia sá, mas estava adorando, duas picas entrando simultaneamente dentro de mim, AILTON e FLÁVIO colocaram as suas rola para que eu chupasse os dois, MARCELO e HUGO enfiavam em mim como se fosse a última vez que eles comeriam uma mulher, as picas batiam dentro de mim quase furando o meu útero, a pica de HUGO a cada estocada ficava ainda maior, a cabeça parecia um punho serra, pensei até em fotografá-la era algo inacreditável, mal cabia na minha boca, e parecia que meu cu nunca mais voltaria para o lugar, eu estava em delírio, sequer lembrava que tinha um marido em casa e que teria que retornar ao lar, adorava aquela rola e nunca mais ficaria longe dela, HUGO ainda tirou o pau do meu cu e enfiou na minha buceta juntamente com o marcelo MARCELO, pareciam que iam me rasgar ao meio, gozei feito uma cadela, minha buceta que estava arrombada ficou totamente dilacerada, como sou branquinha ela estava vermelha como um pimentão, eu já tinha gozado umas tres vez e ainda continuava adorando toda aquela sacanagem. De repente senti quando AILTON despejou sua porra no meu rosto, mandando que eu lambesse o seu pau até a última gota, seguindo a ele FLAVIO também gozou, sá que esguiçou tudo dentro da minha boca, mandou que eu engolisse tudo, dando seguidos tapas no meu rosto, quando HUGO pediu que não o fizesse porque eu teria que retornar para o maridinho corno. HUGO e MARCELO insistiam em não gozar, acho que eles nunca comeram uma gatinha branquinha, da bunda grande e dos peitinhos duros, como eu, eles estavam fazendo todo tipo de variação, dois paus na buceta, dois paus no cu. Depois de quase quarenta minutos socando na minha buceta e no meu cu simultaneamente MARCELO e HUGO gozaram um rio de porra dentro de mim, imediatamente eu gozei pela quinta vez, já estava desfalecendo de tanto gozo, HUGO ainda trouxe o cacete para que eu chupasse e limpasse até a última gota, depois disso os outros ainda tiveram a oportunidade de comerem o meu cú, FLAVIO e AILTON ainda comeram o por quase uma hora, onde despejaram mais porra, fizeram nova dupla penetração, na buceta e no cu, na verdade usaram e abusaram, quando me levaram para casa eu já estava totalmente sem forças, andava com dificuldades e sentia dores em todo o corpo, meu peito doia, meu cu e minha buceta ainda escorria porra e ardiam também. Ao chegar em casa encontrei LUCAS, meu marido, na sala vendo televisão e totalmente emburrado e perguntou se eu teria que trabalhar até mais tarde todos os dias, e que não concordava com aquilo porque mulher dele não ficava no trabalho até tarde, etc e tal, que se acontecesse novamente que ele iria conversar com meu chefe, mal sabia ele que eu estava toda fudida e que o meu chefe não tinha nada a ver com tudo aquilo, mas como não poderia dar bandeira, concordei e disse que não aconteceria novamente, indo em sua direção e dando-lhe um beijo na boca, quando ele reclamou que eu estava com gosto estranho na boca e andando esquisita, então dei uma desculpa qualquer e me dirigi em seguida para o banheiro para tomar um banho. Quando cheguei no banheiro não acreditei no estado da minha buceta, meu cú e meus peitos, estava totalmente detonada e inchada, como disse, precisaria de uma semana de repouso e dormiria totalmente coberta. Infelizmente isso não aconteceu, HUGO aprontou mais uma e me obrigou a trepar com mais cinco amigos dele dois dias depois, todos com a rola de tamanho avantajado, na oportunidade solicitando a todos que pagassem uma pequena contribuição....a partir de então percebi que nada poderia fazer e que minha boca, buceta, cu e peitos não me pertenciam mais, nem a mim nem ao meu marido, pois seriam de uso exclusivo para atender aos caprichos do meu dono e amado HUGO, e eu estou adorando tudo isso..... mais essa é outra estária.rnrn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Namoradinha gozada contosesposa liberando para amigos no acampamento contodei a bunda para o torcedor contosCasa dos Conto a beira de uma suruba esposa casadaenfia na minha bundinhacontos tia pede laber sua xerecaconto erotico arrastaram minha namorada na festacontos eróticos, meu chefe exige a minha esposacontos eróticos funcionáriacontos gay meu pai me pegou no flagraHugo tá gostosinho de comeresposa e sogra metendo na praia contoscontos eroticos pastorconto erotico as pregas da empregadatravesti dotadu no rncache:A_ULZ8FKkSgJ:okinawa-ufa.ru/home.php conto guando era pegueno dormia com minha mae e fudi elaconto amigo heterocontos cris super dotadoboquete no filho contoscontos eróticos gravou tia dando pra doiscontos eroticos pauzudocontos maninha adora meu pauminha sobrinha , na praia contoconto esposa transa com marido se exibe pra molecadacontos orgia com pobresvirando moça contosGozei no pau do meu irmão contoscontos eroticos minha mulher e o velhoconto comi a daianerose empregadinha contoshomem comeno a espoza de pois asogracomi a madame na fre.te do marido. experiencias sexuais.filha apaixonada pelo pai contos eroticisconto meu marido acha que sou santa mais ja dei o cuContos eróticos de Gay O Amigo do meu Pai Comeu Minha Bundinhacontos eróticos de casadas rabudas traindocontos eróticos gravou tia dando pra doiscontos eroticos gay game apostagordo do apartamento conto eroticoContos eróticos teens incesto pai ver o filhinho dormindo de pinto duro e chupacontos eroticos arrombando a gordavideos porno com mulher com o cuzinho todo arrombado tentando cagar sem sentir dorxvidiocu gostozocontos eroticos gay papai e euconto erótico nru marido me fez da pra um cão transei com meu sobrinhocontos adolecente traindocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos fui fodida feito vadia e chingada de puta pelo meu primoconto inseto mamãe eu quero te estuprar analcontos eróticos com idosatanguinhas molhadas contos eroticos reaiscontos bucetinha linda da vizinha polacacache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html conto de sexo com rabuda asquerosoContos eroticos com animaisminha tia casada matutinha contosconto erotico minha namorada cuidado de mimporn contos eroticos enteada gangbangcontos esposa no baralhocontos tia gostosaa ai delicia ai vai vaicontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos esposa sentiu uma rola gigantecomendo a prima linda do cabelo super comprido e muito vadiaenfiado a buceta na grafi de cama xvidiomeu tio tem um pau muito grossocontos eroticos o dia que comi a novinha gordinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconvenci meu primo a me fuder bem novinha contoscache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html conto comendo viuvacontos de coroa com novinhominha namorada ficando com.outro contocontos mulher casada da o cu pro cãocontos gay transformado em putaNayara chupando contocontos eroticos arrombando a gordacontos vizinha dona de casa tetuda caidacontos/arranquei as pregas da mae e o cabsco das filhasContos fuleras