Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O TECNICO DO LABORATORIO E EU

No início da puberdade sempre tive curiosidade sobre sexo, decorrente das amizades com os amigos do bairro; reuniamo-nos todas as noites para bater papo, brincadeiras. Quando o sexo aflorou em todos, as punhetas era o que nos aliviava; no início era cada um pra si; depois cada um batia para o outro; as encoxadas eram constantes. Aqueles que tinham bundas gostosas como eu, eram disputados; ninguém gozava na bunda do outro e muito menos tentava por no cuzinho, pois todos achávamos que não cabia. O máximo que fazíamos com os parceiros habituais era lubrificar o seu cuzinho com saliva e colocar o dedo médio na portinha, acariciar, enquanto punhetava o dono do cuzinho. Uma delícia; o gozo era farto, o jato viajava longe ....rnOs raros ?catecismos? do Carlos Zéfiro eram disputados a peso de ouro e lidos com avidez; ensinava o caminho das pedras. Mas ninguém deu o cuzinho prá ninguém. E isso ficou no fundo dos meus pensamentos.rnO tempo passou, casei-me; a minha esposa adorava uma gulosa, o seu dedo médio brincava na porta do meu cuzinho, me levava à loucura, mas o meu cuzinho continuava virgem, apertadinho, sedento por um pau. rnEu trabalhava numa empresa multinacional quando fomos obrigados a fazer os exames preventivos de saúde; entre eles um ultra-som de prástata, via retal; aquilo aguçou o meu interesse; como seria essa penetração ? O dia marcado para o exame foi uma terça feira, pela manhã; eu havia trabalhado até às 05:00 horas nessa madrugada em razão de problemas habituais de processamento de dados; no horário marcado, sonolento, porém curioso, fui ao laboratário; fui encaminhado para a sala de exame pela recepcionista e atendido por um técnico oriental; explicou-me os procedimentos, pediu-me para tirar toda a roupa, deitar numa cama de barriga pra cima, pernas separadas colocadas sobre dois suportes; fique na posição ideal para um franguinho assado; luz apenas do vídeo do computador que registraria os dados do exame. Ele colocou luvas, lubrificou os dedos e introduziu suavemente o médio; massageou as paredes do meu cuzinho, a portinha; pôs até o fundo, tirou, colocou novamente; massageou a prástata, o pau respondeu iniciando uma pequena ereção. Ele perguntou: -- Está atrasado ? Respondi: -- Não; o seu toque é maravilhoso. Incentivado ele caprichou; lubrificou novamente, colocou o médio e o indicador, até o fundo. Suspirei de prazer; ele sorriu levemente; a sessão de massagens continuou. Aquele cuzinho outrora apertado dava mostras de que estava pronto para ser comido; seria naquela cama ? O técnico pegou outro pote de lubrificante, passou novamente nos dedos, colocou-os, massageou, caprichou novamente, e disse olhando no fundo dos meus olhos: -- Descanse, que eu vou buscar o filme para colocar na máquina. A meia luz do ambiente, o dia anteriormente trabalhado à exaustão ou algum anestésico colocado no creme lubrificante me apagou; relaxei, dormi suavemente. rnQuando despertei senti alguma coisa diferente; o técnico estava de pé entre as minhas pernas, me punhetando; disfarcei. Procurei entender o que ocorria; senti algo entrando e saindo do meu cuzinho; fui tomado por uma tesão incontrolável: eu estava sendo comido e punhetado. O técnico com grande habilidade penetrava, retirava, penetrava o seu pau no meu cuzinho; ele gemia, gemia, até que senti que gozava; resfolegou, tirou o seu pau, a camisinha, e disse-me ao pé do ouvido: -- Esse será o nosso segredo; o resultado do exame você pega amanhã. Infelizmente, nunca mais o [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


tias envangelica dando a buceta ao sobrinho em historia realmulheres religiosas corpo bonito seio grande quadril largo transandoconto erotic praia de nudismookinawa.ufa.ru conto erotico orgiaseu falei Jaime de bucetacontos eróticos meu enteado deixou meu c* todo ardidoconto erotico traindo contra a vontade do maridãoengravidou a minha namorada contos eróticosconto erotico foda com a viuvinhaconto erotico cavalo enfiou tudo na minha mulhercontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto porno mulher gosta pau 25cmcontos eroticos de maridos brochaso cachorro e o melhor amigo da mulher relatos de zoofiliacontos de pau grandecontos eroticos comi uma mulher casada em uma cidadezinhacontos velhas com novinhoscontos eroticos sou uma coroa safada adoro pica de adolecenteCorno leva a mulher ao cinebolsocontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosconto de mulher casada crente com filhofotos no vai novinha mulher se comendo com amiga se engergando uma na outra bucetarelatos de comadre dando a buceta pro compAdregozaram tudo no meu cu contoconto erotico mulher fodendo com varios vizinhoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto eróticos incesto pai arrombamendei pro meu genropeito peludo conto gaycontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentehistoria de contos eroticos com pasteleirotransei com minha filha conto eróticocontos reais eroticos na formatura casaiscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos o comedor falou o cu da sua mulher é muito gostoso.contos eroticos incesto com filho adotivoorgia com velhas contos eróticosconto erotico era swing cornocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemulher e homem dançando bem agarradinho e funk sensualContos comeu o cu virgem day minhamulher porno gay contos erticos viajando com o meu padrasto caminhoneirocontos eróticos uma amiga vendeu a buceta da minha esposaconto chupei a bucetinha da minha sobrinha de sete anos que ficava na minha casacontos eroticos eu e minhas amiguinhasicontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos sexo a tresconto gay sendo estuprado com muita violência e tem muito sanguecontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos com meninocontos erotico a minha nutricionistacontos paguei mais comi a putacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteNetinhas putas contoseroticosconto porno crente coroa casadacontos hot festa no iateConto comendo a gorda casadacontos eróticos ele colocou o vibrador na potência máxima na minha bucetaConto erorico arombei minha amiga novinhacontos eroticos esposas adora pau grande e muita porra levei ela pra dar pum cavalocontos eroticos de marido melher cunhadinha e a primacontos eroticos com a velha vizinha cabeludacontos porno dei boa noite cinderela para meus pais e comi minha maecontos eroticos encoxada na irmaconto comendo a mulher casadacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos minha sogra quis medir meu pauconto erotico liberei minha mae pro meu amigopornô contos sobrinha se assusta com o pau mostro do tiomulher dando a buceta no salao da foliaporno comtos corno vendo cu da mulher depois que negao aromboufinalmente contou quando chupar pau do ex deladuas mulher chupando a b***** no Jordão baixo fazendo sexoe dos velhinhos gays no pinto mole fudendo velhinhos contos eróticoscontos eroticos de comi a bunda da mae da minha amigaconto erotíco fui sedusida nova e gosteicontos erótico estuprada pelo chefinhoconto erotico sou empregada e viuvaFábio chupou o pau de Sávioabusada com vibrador contosmetendo com violencoa no cu da gordona