Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NO ôNIBUS LOTADO!

Sempre li contos sobre encochadas e transas dentro de ônibus e sempre achei muito fantasiosas, até que um dia aconteceu comigo...rnrnEu estava de férias do trabalho e havia saído de dia para resolver umas coisas, como achei que não ia demorar, saí com uma roupa bem casual, de saia, blusinha soltinha e um saltinho, sá para não ficar tão baixinha... porém demorei mais do que esperava e fui voltar bem na hora do rush.rnrnO trajeto demoraria normalmente por volta de 40min porém foi bem na época que estavam tendo as manifestações, e, logo nesse dia, os motoristas de ônibus resolveram fazer manifestação na rodoviária.. ou seja, não passava nenhum ônibus na rua.rnrnEu estava na parada já há algum tempo, e já estava enchendo, quando chegou um zebrinha lotado! Pra quem não conhece Brasília, ?zebrinha? um micro-ônibus de empresa particular, então quando tem greve ou essas coisas, geralmente é o único que roda na cidade... E pela demora, o jeito foi pegar esse mesmo...rnrnEntrei já de cabeça baixa, ajeitando minha saia, e não tinha nem como se mexer direito dentro do ônibus.. tentei ir mais pro fundo possível, pois minha parada ia demorar e evitaria o empurra-empurra.. claro q nessa hora já percebi uns olhares, alguns caras dificultando minha passagem, ao invés de ajudar.. mas consegui chegar lá..rnrnO ônibus estava muito cheio e enquanto eu estava sendo espremida no banco, senti alguém me encochando, mas achei que era sem querer... o ônibus deu uma parada por causa do transito e senti novamente algo roçando na minha bunda, olhei feio pra trás e tinha um cara normal, de uns trinta e poucos anos, olhando pra frente, como se nada estivesse acontecendo... eu não tinha como sair dali, e tb não ia fazer um escândalo no ônibus.. o jeito foi continuar lá.. sendo abusada..rnrnO rapaz, sabendo que eu não tinha escolha, continuou me encochando e eu percebi que tinha algo maior e mais duro na minha bunda, eu estava incomodada com a situação já, mas nada podia fazer... quando senti uma mão na minha perna.. o safado agora, além de esfregar o pau em mim, por cima da roupa, queria também passar a mão.. tentei me mexer de um jeito para ele parar, mas acho q acabei ajudando.. ele foi subindo a mão pela lateral da minha coxa, até chegar na minha bunda.. passou a mão umas duas vezes por toda minha bunda e deu uma apertada com força.. nossos corpos estavam muito perto, dava até pra sentir a respiração dele mais ofegante...rnrnEu estava abismada com o abuso desse cara, olhava pros lados pra ver se alguém percebia algo, mas acho que ninguém estava olhando pra gente... eu queria sair dali, mas era impossível! Ele então começou a passar a mão na minha bucetinha por cima da calcinha e esfregar o pau super duro na minha bunda.. Sem querer eu já começava a rebolar um pouco, e percebendo que eu estava gostando, ele afastou minha calcinha pro lado e ficou passando o dedo no meu grelinho..rnrnNessa hora eu já havia me entregado, me apoiava com as duas mãos no assento da frente, e deixava o tarado fazer o que quisesse.. ele me masturbava e se esfregava em mim, eu rebolava no pau dele discretamente, para ninguém perceber.. e de repente ele parou.. eu fiquei sem entender nada, queria olhar pra trás, mas fiquei sem graça.. eu já estava morrendo de tesão, queria mais! Queria gozar! Nem ligava mais para onde estava, quem estava a minha volta...rnrnQuando senti ele levantando minha sainha e algo quente e duro tocando minha bunda... nessa hora entendi.. ele precisava das mãos livres para colocar o pau pra fora da calça, nem sei como ele fez isso.. eu gelei na hora, não acreditava que aquele cara pretendia me comer ali, no ônibus mesmo..rnrnEle ficou pincelando o pau na minha bunda, no meu cuzinho.. ate forçou um pouquinho, mas não tinha como.. não da pra entrar assim no seco.. ele então colou ainda mais o corpo no meu e falou no meu ouvido ? empina essa bundinha pra mim, vai gostosarnrnNossa.. arrepiei todinha na hora, eu já estava totalmente submissa.. minha bucetinha pingando de tanto tesão.. não teve como, apoiei nos bancos, abri as pernas o quanto pude e empinei bem a bunda, ele encaixou o pau na portinha da minha buceta e foi metendo devagar.. q delicia! Entrou fácil pelo tanto que estava molhada... ele se segurava na barra superior com uma mão, e me agarrava na cintura com a outra... os movimentos tinham que ser lentos pra ninguém perceber, mas o balanço do ônibus ajudava.. eu estava em transe, delirando de tesão.. e isso provavelmente estava estampado no meu rosto.. quando senti outra mão na minha perna, na altura do joelho..rnrnEu nem tinha reparado em quem estava sentado no banco na minha frente, mas ele com certeza reparou em mim... Era um rapaz novo, 20 e poucos anos.. não sei há quanto tempo esse cara estava olhando pra gente, mas ele sacou o que estava acontecendo e começou a passar a mão na minha perna... quando olhei pra ele, ele estava me olhando com um sorriso sacana no rosto .. pronto.. aí é que não tinha o que fazer mesmo.. rnrnO cara atrás de mim continuava me fudendo na buceta, enquanto o da frente subia a mão pela minha perna... percebi que ele tava com um volume na calça q tentava disfarçar cruzando as pernas, ele foi subindo ate chegar na minha xana e ficou esfregando meu grelinho enquanto o outro me comia... nossa, q tesão!!!rnrnEu me segurava pra não gemer, tentava disfarçar o máximo possível.... o cara sentado na minha frente me olhava sorrindo e mexia os lábios falando coisas do tipo ?safada? ?puta?.. o q me dava ainda mais tesão...rnrnO homem atrás de mim tirou o pau da minha buceta, já todo melado do meu melzinho e tentou meter no meu cu de novo... dessa vez deu certo! Ele foi colocando devagarinho, eu senti meu cuzinho sendo arrombado por aquele pau gostoso.. ele então ficou comendo meu cu e o da frente metendo 2 dedos na minha buceta e esregando meu grelo com o dedão... ... rnrnTinha um outro cara sentado do lado dele que acho q percebeu o q estava acontecendo, pois ficava olhando fixamente pra janela, mas na verdade acho q estava olhando era pro reflexo da nossa putaria dentro do ônibus... Mas a essa altura eu já não ligava mais pra nada, eu sá aproveitava e rebolava gostoso entre um pau e 3 dedos... rnrnO trânsito estava melhorando aos poucos, o q fez o ônibus andar mais rápido.. assim o cara atrás de mim pôde acelerar os movimentos e logo anunciou q ia gozar.. me segurou forte pela cintura e eu contraí meu cuzinho, fazendo ele despejar jatos de porra dentro do meu cu... rnrnEle ainda ficou com o pau dentro do meu cuzinho por um tempo, se recompondo.. até que tirou, se ajeitou e desceu do ônibus.. assim, sem falar nada.. Mesmo o outro tendo saído, o rapaz sentado na minha frente continuava me masturbando, e percebendo q eu estava quase gozando acelerou os movimentos também até q eu gozei.. nossa.. minha perna chega ficou bamba nessa hora.. rnrnEu olhei para o cara, dei um sorriso de satisfação e ele falou um ?gostosa? pra mim... ele enfiou os 2 dedos bem fundo na minha buceta, tirou e chupou os dedos olhando pra mim.. Como já estava perto da minha parada e o ônibus continuava muito cheio, eu sorri e dei uma piscadinha, me ajeitei e fui indo para a porta... rnrnCom dificuldade consegui descer do ônibus.. chegando em casa tomei um banho, e depois fiquei pensando na loucura q tinha acabado de fazer... fiquei excitada de novo e ainda me masturbei e gozei gostoso mais duas vezes lembrando dos dois estranhos me fudendo no onibus..rnrn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


mulher sentando na embragem com o cu e buceta irmãos contos eroticosquem já levou estocada no rabocontos minha mulher olhando o volume do caraa massagista negao contoscasada dando no rancho contoscache:5VPX7vrg4AEJ:okinawa-ufa.ru/conto_1951_colocando-so-a-cabecinha.html eu confesso caso de incestocontos de corno mansopoeno cenas namoado apwrtando mordendo e chupando teta da namorada pra formar bicoporn contos eroticos casada escravizadacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteConto erotivo estupro veridicoum menino enrabou minha mulhercontos duas gostosas dando o cu pro homem e pro cão juntasContos Eróticos De Comi A Coroa Mãe Do Meu Amigosou puta do meu cachorrocontos erótico buceta pequenasconto moreninha do cu largoconto erótico irmão vomitou roupaEu fui trabalhar numa empresa eu comi minha patroa japonesa no motel conto eroticocontos de sexo com novinhas trepando com advogadoscontos tia gostosaa ai delicia ai vai vaivideo de porno com machos a força brutameneteconto erotico dividindo o quarto com meu cunhadocontos minha mulher com um dotado mi fez chupa eleconto praia de nudismo com a esposa continuacontos eroticos cadtigando o cucontos eroticos cagou no paucontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentedona redonda arreganhado o cuzaoencoxando rabuda no trem casa dos contoscontos como dopar maridocontos eroticos novinha de 12an chantageadatanguinha suja contos eroticosconto erótico gay com estupro e muito sanguezoofilia levei o cachorro para o celeiroContos eroticos marido convence esposa com pintudocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto corno sondei ela tava debaixo delecontos eroticos de incesto veridicoconto lesbico tia iniciando a sobrinhaContos eróticos fudendo a irmã casadaContos de incesto familiarmae coroa mechama pra viaga com ela e durmo com ela insexto gostosa pornovoyeur de esposa conto eroticotirei o c******** da minha enteada CamilaBucetas aregaladas e raspadibhaPULAVAAI XVIDEOrelatos contossexo menininhas 9 aninhosgarotinho teen gemendo no pau e rebolando gostosoarregaçado pelo cachorro contoscontos eroticos pauzudoContos eroticos selvagenscontos eroticos de choronasvideo de mulher transando no atelier delaContos erotico sobrinha magrela no colo do tiocontos de gays sendo arrombados por varias rolasContos sexo com pai da amiga e engravideiContos iniciano as garotinhascontos eroticos traindo marido na cadeiacontos erotico casal e amiga uolcontos com sobrinhacontos eróticos negão sou o cu da minha mulherContos eroticoshospitalconto agarrada no onibuscontos eroticos com coroa taradoMeu nome é dado (apelidio),tenho 35 anos e minha esposa mara tem 32 anos.Somos simpaticos ,com caracteristicas bem Brasileira .comessei a alizar o pau do marido da minha tia contocontos de mulheres ninfomaniaca por sexoConto erótico me deu sonífero comeu minha bucetacomi minha priminha loirinha da bundinhadeliciosacorno no cinema contosContos eroticos. Meu rabo gostoso abertocontos eroticos travesti ativa camioneiraconto porno come o cu da minha cunhada e a amante e sua amigasou casada loba contosContos eroticos novinha virgem sendo arrebentada pela mulecadascontos eróticos bebadaboquete mulher de 48 anos contocontos eroticos com fotos:nerd pausudo com a casada seriacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos erotico o dia que comi a minha sogra sem camisinhaconto erotico filha de comedor e putaContos erotico loira casada filho do jardineiro negroMinha sogra me pegou contoscontos/ morena com rabo fogosoemtiada fas sexo e masseje em padratodiario de corno contosPrimeira vez q dei o cu vestido de travestassistir o video completo socando o anchinho no cu e na buceta da mulherMais pinto contos gayconto eróticos comi rabo mãe doamigoe o marido viajando no meu tio meu tio meditando contos eróticos transei com elecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos marido foi trabalhar e meu sobrinho me pegou no banhocontos eroticos de chupadas entre mulheresContos de estupro na praia