Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EVE, VOCÊ JÁ FANTASIOU SENDO VIOLENTADA?

A Eve, é dessas garotas que não me esconde nada em relação as suas fantasias sexuais. Prova disso, foi quando numa noite, quando estavamos no banco de trás do carro em meio a pegação, tive a ousadia de perguntar bem pertinho do seu ouvido e quase sussurrando: Você já fantasiou sendo violentada por vários caras ao mesmo tempo; eles arrombando a sua bucetinha sem nenhuma pena? Ela deu um sorriso lascivo e assentiu dizendo sim com a cabeça. Já sabia a sua resposta antecipadamente. O que me fez pensar isso, foi ela ter me mandado um link de um vídeo erático em que uma morena muito gostosa era fodida por cinco marmanjos. Me disse que o vídeo era muito excitante e que tinha achado a morena maravilhosa. Hoje penso que não era sá a morena que lhe despertou desejos, mas também a situação de se imaginar no lugar dela, com aqueles cinco marmanjos metendo nela sem nenhuma piedade. A Eve é uma dessas garotas com uma libido enorme, talvez tão grande quanto a minha e talvez por isso, me identifiquei tanto com ela no sexo. Não somo namorados, fazemos o que muitos hoje em dia fazem; apenas ficam. Eu tenho 45 anos, ela 19, é minha colega de classe na faculdade, e desde que começamos a ficar juntos, sempre deixamos claro que a idéia era sá nos curtirmos, embora exista um compromisso entre nás, de que enquanto estivermos ficando, seremos honestos um com o outro. Ela tem fetiche por caras mais velhos, eu com 45, sou 26 anos mais velho que ela, aliás, sou mais velho que o pai dela que tem 42 anos. Nossa intimidade foi crescendo a medida que começamos a ficar juntos, e passamos a revelar nossos desejos e fantasias, não importando o quão sujo e depravado eles fossem. Por ela não ter perdido a virgindade comigo, fico imaginando o que essa garotinha já não fez de safadezas com outros caras, ou melhor, com outros coroas. Pouco a pouco fui descobrindo o que ela mais aprecia na hora do sexo, e posso dizer que seus desejos são os mais safados que já vi. Sente prazer enorme nos seios, coisa que nunca vi noutra mulher. Adora ter a bucetinha sendo chupada tanto quanto o seu rabinho; o que me levou a desejar enraba-la. Até tentei colocar meu pau naquele cuzinho apertadinho, usando todos os artificios disponiveis; desde ky a outros cremes; mas a verdade é que ela é virgem ainda na bunda, e não posso negar que meu pau é um tanto grosso, por isso a dificuldade. Mas por enquanto, tudo que ela permite, é que eu introduza um único dedinho e um plug anal bem fininho que comprei pra ela. Seu cuzinho ainda é virgem de pau, mas a sua bucetinha tem muitas histárias pra contar. Eu fico com muito tesão sá de olhar pro rostinho dela; com aquele olhar angelical e depravado ao mesmo tempo, e fico imaginando como uma garotinha como ela, com 19 anos, mas com cara de 15, pode ser tão safadinha, a ponto de me deixar alucinado com suas atitudes de puta. Toda putinha gosta de sexo selvagem, agressivo, e já fiz coisas muito depravadas com ela. Uma vez no motel, a coloquei deitada no meu colo, com a bundinha na altura do meu joelho, com as pernas bem abertas e com o rostinho enfiado no colchão virado pra mim. Nessa posição ela me olhava com aqueles olhos negros e penetrantes, como que suplicando pra não apanhar. Mas sá parecia, porque de fato ela ama levar tapas na bunda. Acho que meus tapas eram ouvidos em todos os quartos do motel; e percebi o quanto isso lhe dava prazer; e desde então, não transamos sem deixar as marcas das minhas mãos na sua bundinha. E é bundinha mesmo, porque sendo pequenininha devemos tratar no diminutivo. Ela tem um corpinho de ninfetinha, parecendo quase uma criança, é tratada na classe como a "bebe da turma". Não deixa de passar a sensação de que está agora passando pela fase do desenvolvimento corporal. Um fato engraçado, muitos imaginam que ela ainda é virgem, considerando seu jeitinho de menina inocente. Me lembro da primeira vez que reparei nela em sala. Meu primeiro pensamento foi: O que essa garotinha está fazendo nessa classe? Não deve ter mais de quinze anos. Depois descobri que era sá aparência, poque de fato ela já tinha 19 anos e seu desenvolvimento corporal já estava quase completo. Reparando nela, pensei logo, de como seria estar com uma garota como ela. Nás homens não deixamos de imaginar essas coisas quando vemos mulheres que nos atraem. Ela com aquele tamainho, toda delicada, seria fácil andar o dia inteiro com ela no colo. Foi quase isso que fiz com ela, quando começamos a sair. Não me esqueço da primeira vez que a coloquei de joelho na minha frente, e pude meter meu pau naquela boquinha maravilhosa, e sentir seus lábios grossos em toda a extensão do meu pau. Era uma época em que ela ainda não conseguia engoli-lo por inteiro, coisa que hoje ela já faz com muita facilidade; e coisa maravilhosa, nunca vi tamanho desejo e felicidade de uma mulher em chupar um pau, e sempre faz questão de me lembrar, o quanto ama ter um pau na boca. Fiz questão de ficar nessa posição um bom tempo, pensando que enfim, estava realizando uma de minhas fantasias com aquele garotinha safada e putinha. Aqueles lábios grossos, lembrando os da Angelina Jolie, é de tirar o folego de qualquer marmanjo. Passei a pensar em sacanagem com ela sá quando soube da sua idade e principalmente quando descobri que ela curte coroas. Depois de bons minutos metendo em sua boquinha, senti vontade de fode-la. Ainda de pé, a levantei, segurei no seu quadril, e a suspendi na altura da minha cintura; suas pernas se dobraram sobre o meu corpo numa posição em que meu pau ficou roçando sua bundinha e xaninha, e me dei conta do tamanho da vontade dela em ser fodida naquele momento. Ainda com as pernas envoltas em mim, e me enlaçando o pescoço com seus bracinhos finos e delicados, pude sentir o calor do seu corpo tocando o meu. Tirando meus braços da sua cintura, fiz que suas pernas se soltassem e pude levar minhas mãos por debaixo das pernas e nádegas dela, de forma a deixa-la quase com as pontas dos pés na altura da minha cabeça. Nessa posição, com as pernas bem abertas e com sua vagininha bem exposta, a segurei com as duas mãos em seu quadril; posicionei minha pica na entradinha da sua bucetinha e comecei a forçar a entrada. Foi fácil, porque ela já estava bastante molhadinha de tanto tesão. Quando começamos a ficar juntos, ela dizia que meu pau era muito grande pra bucetinha quase virgem dela, e que de vez em quando ela sentia que meu pau iria arrebenta-a. Ouvir isso me deixava ainda mais com tesão. Por uma questão de ego, todo homem se sente bem quando sabe que está proporcionando prazer a uma mulher, e principalmente, quando imagina que está arregaçando uma bucetinha novinha e apertada. rnFicamos um bom tempo metendo nessa posição, e assistindo através de um espelho na parede, podia ver meu pau entrar e sair daquela xaninha. Os gemidos dela ecoavam pelo quarto e me enchiam de prazer. rnFicamos transando nessa posição até que senti que ia gozar, então tirei meu pau pra gozar fora por que estava sem preservativo. Em seguida, deitamos e descansamos por um breve momento sem dizer nada, apenas curtindo o gozo em silêncio que acabavamos de ter tido.rnMinutos depois o interfone do motel toca, era a recepcionista nos avisando que nosso tempo estava acabando.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


tocando punheta no maracanacantos erótico só dei do Forró Bombadovai dar rolê tudo gordona aí tudo mulher gorda só de biquíni bem gordona da bundona bem gorda da bundonabucetao crupadovidio porno corno mulher da em cima do jsrdineiro e empregada ver e participaxvidio cabeçudo com bodudasconto erótico vestir roupa de menina sair na ruacontos eróticos no meu aniversario da sogravídeos porno negras barriguda caidaeu sou casada e amo zoofiliacontos gay cu arrombadocontos eroticos com vovôscontos eroticos na frente do cornominha sobrinha no motel no meu pau conto eroticoempregada é chatagiada pelo patra e tem qui sar a bucetaler contos erótico prima com primo gordinha gostosafinalmente o telefone tocou conto erotico cornoScu do sobrinho menor contos eróticosgostosinha bonitinha bundinha nova doze anos dando contos eroticoscontos primeiro analcontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestiContos eroticos trans cunhadaconto contando ao cornomoreninha linda gostosa quatorze anos dandocontos eroticosconto minha mae chupando meu pau com meu pai ao ladoconto erotico minha sobrinha de toalha enrolada no meu colocontos eróticos de minha esposa bêbadameu filho meteu no meu cu ardeu muitocontos eroticos entregadorcontos eroticos bv e virgindadesiririca na frente dele conto eróticocontos sou o macho da minha sobrinhacontos gays pedreirosconto erotici gay dano cu no dia da greves dos motoristo de onibus gay casadoconto gay fodi o namorado da minha irmaesposa na praia de nudismo passa lama contocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eróticos: acordava cedinho p levar rolaxvedio nerga da cu pertacontos eróticos minha tia com calça suplexcontos de mulheres ninfomaniaca por sexocontos eroticos de incesto veridicoContos erotico marido corno bebedor de porraeu sou casada e amo zoofiliacontos eroticos de travestis fudendo o tiocontos eróticos fudendo na frente do maridomullet fudemdo pau gramdecontos eróticos assaltantes me f****** na frente do meu filhoesposa safada fudendo na fazenda contosdei gostoso. pro meu pai pistoludoachei que era uma mulherao mas era um travecao que me enganou e socou no meu rabinhowww.contoseroticos.com.br/tia e sobrinha virgemcontos esposa bunduda so traz problemaso garotinho da vizinha. conto gaycontos grávida do meu genromulheres com biquinis bem atolado na bumda fotosContos eroticos comi minha irma pelo messengercontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos trai com consentimento do meu maridocontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anosContos eroticos dinheiroContos eroticos gay primeira vez traumaticaContos virei a puta dos oito negros picudosconto gay colotravesti linda barriga de tanquinho gostosa metendo vídeo liberado metendo gostoso peitudacontos eróticos esfregaçãocontos de primeira vez com meu cunhadocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteporno aniverssrio do sobrinho a tia fudet com eleFilha babando pau do pai contoseroticos