Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU CUNHADO ME FEZ MULHERZINHA

Eu tinha 19 anos e namorava a uns três meses a Camila. Uma noite, depois de voltarmos de uma festinha, ficou tarde para eu voltar pra casa. E fui dormir pela primeira vez na casa da Camila com autorização de seus pais. Eles me ofereceram o quarto do irmão mais velho da Camila, pois, ele havia ido dormir na casa de um primo. Eu e Camila namoramos bastante antes de irmaos dormir, éramos virgens, mas o namoro era quente. Ela era muito bonita e gostosa e eu era normal, mas usava cabelos bem cumpridos. Camila me emprestou um shortinho e uma camisa para eu dormir. Já tinha pegado no sono, quando ouvi um barulho da porta se abrindo e alguém entrando. Pensei que fosse Camila vindo. Mas era seu irmão JP e seu primo. Eu sá consigo dormir bem de bruços. E os dois caras logo me avistaram deitado de bunda pra cima na cama do JP. E fiquei imável, fingindo dormir. Quando eles vieram até mim, pensando que era uma garota por causa dos cabelos cumpridos. e perguntavam um para o outro quem era a garota. É que eu tinha o corpo lisinho, sem pêlos. E rapidamente um deles saiu do quarto,levou um tempinho e logo voltou com algumas coisa na mão. Em seguida, os dois deitaram ao meu lado. Estavam com cheiro de cerveja. E começaram a passar as mãos na minha bunda e cabelos. Então levantei a cabeça e falei: Peraí, sou Paulinho... namorado da Camila. E o JP disse assim: você parece uma menina... me esperando. E que bom que você tá aqui... porque faz muito tempo que eu não como ninguém, e hoje você vai ser minha garota. E foi logo botando um pauzão pra fora da calça e puxando minha mão pra cima dele, e seu primo foi tratando de puxar meu short. Então o primo me segurou e JP tentava enfiar seu pau na minha boca me segurando firme nos cabelos. Eu quase chorando implorava para que parassem, na esperança que fosse somente uma brincadeira de mau gosto. Engano meu! O que o JP trouxe naquele momento que saiu do quarto foi uma calçinha bem cavada e um vestido de alçinha da Camila e um creme. Eles eram bem mais fortes que eu e me forçaram a vestir a calçinha e o vestido. Em seguida, não atendendo meus apelos para que parassem, o primo me segurou de joelhos no chão e braços para trás, enquanto JP na minha frente com seu pau duro para enfiar na minha boca. Forçando a entrada não parou a té entrar. forçando minha cabeça e me chamendo de paulinha me mandava chupar. Eu não tinha como fugir e fui chupando aquele pauzão duro. Humilhado, me via no reflexo do espelho como uma menininha indefesa sendo traçada por dois tarados. o Primo botou minha calçinha de lado aplicou um creme no meu cuzinho virgem e puro, enfiando um dedo fazendo vai e vem. Puxou pelo quadril, me empindo a bundinha, apontou seu pau na entrada do meu cuzinho, e foi forçando a entrada. Eu via estrelas agora... cheguei a chorar de dor sentindo aquele pau rasgando meu rabo. Quando entrou a cabeça, empurrou com força me puxando contra seu corpo. Dei um grito. Eles começaram a rir achando que eu tava gostando. E começou a me bombar acelerando aos poucos enquando eu quase engasgava com o JP em minha boca. Fiquei com medo de ser visto por Camila ou seus pais naquela situação humilhante, mas ninguém apareceu. E o Primo me fodia sem pena e suava em cima de mim. Eu olhava no espelho e me via como uma menina levando um pau no rabo e outro na boca. Depois eles trocaram de posição, aí o JP veio e me botou de quatro na cama e me enfiou seu pauzão no meu cuzinho já melado pelo primo. JP me dava uns tapinhas na bunda me chamando de putinha gostosa. Ele tinha o prazer de tirar o pau e enfiar tudo numa estocada sá. Chorei muito e eles me diziam que eu iria ser a garota deles daquele dia em diante e não iria esqueçê-los mais. E JP gozou no fundo do meu cuzinho inteiramente arrombado e o primo me mez engolir toda sua porra e ainda lambuzou a minha cara.

Agora, todas as vezes que dormia lá, JP sozinho ou com o primo me fodiam me vestindo de mulher.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


video sexi coiada esticada de manhã cedodando a buceta na maquina e quase morrendoContos vovô pegando peitinho da netaContos comi esposa do caminhoneiroconto com a cunhadaconto gay pirocudo da academiaContos Eróticos De Comi A Coroa Mãe Do Meu AmigoContos eroticos soquei no rabo da minha mulher rabudacontos dei sonifero e comi o cu pornocontos eroticos minha sogra se machucoucontos de sehoras coxudas que deram o cuvideos dos cara que tem ho pau enorme arrebentando bucetas de branquinhasconto erótico. eu minha esposa morando perferiaContos reais de mulher com cachorrocontos eróticos gay depilação entre machosesposa liberando para amigos no acampamento contoporno do irmao que fode a prima de 4minutodeu e a amiga da esposa contoContos eróticos arrombei a linda noiva santinha do meu vizinho ciumentocontos eroticos minha mae e uma safada e meu pai um corno liberalcontos eroticos diretora violentadaconto corno calcinhaRebola no pau do papai contocontos eroticos de tio e novinhasContos erótics so de gang bang e so com homems pauzudosconto titio me fudendoconto.to.viciado em chupar buceta menstruadaPega minha xerequinha tio contos eroticoscontos eroticos de meninos gay o dia q dei o cuzinho pela primeira vez e virei menina da molecadagozaram tudo no meu cu contocomi minha cunhada, contosconto obriguei minha esposa a da o cuzinho na boateconto ru e minhas filhascontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto tranzar com patraosexo contos mendiga estuproconto depravadamulher sentando na embragem com o cu e buceta a minha cunhada casada e saia justa contos com fotoscontos chupei minha namorada a forçaConto erótico gay de um pai com filho da vizinhahuuuuummmm gozeievangelica pegou carona traiu contos reaisleitinho no copo. contosmeu lobo gostosogordinho tetudo gay contoscontos eroticos ele me deixa louca quando se maaturbacontos eroticos sou casada realizei o desejo do meu sobrinhojanaina vem senta na picaMeu nome é dado (apelidio),tenho 35 anos e minha esposa mara tem 32 anos.Somos simpaticos ,com caracteristicas bem Brasileira .contoseroticosdeflorandoconto xota cu filhinhopolicial feminina contos eroticosa menina a forçacontos eroticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos crueldade com cornopapai tirou do meu cu quis por na minha bocasex da negahjemtiada fas sexo e masseje em padratocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContoseroticoscomsogrocontos eroticos adoro sentir o gosto do amante delacontos eroticos espermaquer q minha mulher trepe com outrocontos eróticos, meu chefe exige a minha esposaLora dismaiando no cu no anal em tres minutosconto menage masculinocontos de mototaxista e gaycontos sadomasoquismo castigocasadas putas fodendo com preso contopatricinha ciumenta contos eroticoscontos mulher seduzido homem