Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

VIREI MULHERZINHA DO PORTEIRO

Conto essa histária, quando eu tinha 19 anos, atualmente tenho 29, sou homem normal e esse caso foi quando tive coragem de virar mulher pela primeira vez.



Desde os 19 anos, fui descobrindo em casa a minha tara por vestir calcinhas, baby dolls e shortinhos. Quando ficava sozinho em casa, principalmente a tarde, gostava de ir ao armário da minha mãe e pegar suas peças intimas. Ao lado do meu prédio tiva um prédio e construção, e lá muitos pedreiros. Bem, como quando vestia as roupinhas da minha mãe ficava com muito tesão, resolvi um dia me exibir para os pedreiros da obra. Tinha perdido completamente a noção das coisas, mas mesmo assim, começei, mas escondia o rosto com medo de ser descoberto, mas que tolice né, pelo apartamento eu logo seria descoberto.



Um dia, 3 me viram, mas não deram muita bola não. Um deles um mais coroa, baixinho e careca, gritou - Para com isso moleque !!!



Mesmo assim o meu tesão era maior, eu nem pensava no risco em meu pai e minha mãe descobrirem, continuava, ás vezes de baby doll rosa, calcinha rosa, fio dental preta, etc....



Um certo dia estava voltando da escola com amiigos, e quando virei uma esquina, eles foram para um lado e eu pra casa. Ouvi uma busina, quando olhei era o coroa da obra - Oi muleque, entra aqui que eu te levo em casa. Nossa, quase morri do coração de medo, agradeci, e neguei, ele insistiu 4 vezes, e quando ele me chantageou acabei aceitnando, ele disse que se não entrasse no carro, ele ia contar pro meupai, o que eu andava fazendo, depois ele me contou que era amigo do meu pai e que já havia tomado várias cervejas com ele.



No carro, continuei negando ele insistindo, e ele me disse que trabalhava a noite como porteiro, que queria que eu fosse lá, ele não ia contar a ninguem o que eu fazia, eu mesmo negando, aceitei ir, pra evitar problemas. Ele mesmo me chantageando, era carinhoso e legal, percebi que a intenção dele era boa, isso foi me dando um puta tesão, pensei comigo acho que agora eu vou ser mulherzinha de verdade. Ainda no carro, ele me disse ter 53 anos, ser casado, 2 filhos, mas não estava satisfeito com a mulher. Isso me deu mais tesão ainda.



Quando voltei em casa, esperei minha mae sair, e fui ao seu armário. Peguei uma calcinha fio dental, preta, minuscula e guardei esperando chegar a noite para ir ao prédio do coroa. Depilei a bunda todinha, já tinha feito isso duas vezes antes, mas agora era pra ser usada...rsrs......tomei banho, depilei, botei a calcinha, botei uma bermuda, camisa de malha, e fui.



Cheguei lá, estava ele trabalhando, banho tomado, cheiroso, sentei no sofá, e ficamos conversando, vários assuntos, futebol, politica, fofocas, alguns moradores passaram mas ninguem desconfiou de nada. O coroa era muito gente boa, estava adorando ele, e a sensação de estar ali de calcinha por baixo, conversando com um macho, me deixava ás vezes molhadinho. Apás vários papos, ele voltou ao assunto da minha estreap-tease, eu continuei negando mas agora rindo. Eu disse. - "Não sou eu, mas de qualquer forma to aqui, como vc me pediu, pra evitar que comente isso com alguém, fica sá entre nás, ok !!.



Ele trabalhava até 3 da manhã e apás meia-noite, ele tinha 19 mnutos de lanche, quando deu o horário, ele me chamou pra ir com ele num quartinho. Quando entrei, vi que tinha um colchonete no chão,ele me pediu, posso te pedir uma coisa, adoro sexo, minha mulher não me satisfaz mais, queria muito que vc tocasse uma punheta pra mim, (mal ele sabia o que eu tinha debaixo da bermuda pra ele...rsrs).



Disse que sim, que tocaria, mas era sá isso....Ele botou o pau pra fora, e eu peguei e começei, ele tava adorando, sá isso satisfaria ele, mas eu queria mais, ainda mais que ele era um coroa gostoso peito cabeludo, pau grosso e médio e muito carinhoso. Começei a tirar a roupa dele toda, ele ficou surpreso quando começei a chupar o pau e o saco, era um boquete delicioso, embora fosse minha primeira vez, eu via muito filme pornô, e sabia trepar como uma putinha.



Perguntei a ele, quer mais surpresa, ele já louco de tesão disse que sim, foi quando tirei minha bermuda e fiquei com aquele bundão de calcinha fio-dental. Ele foi a loucura, caimos no colchão, e fizemos um 69, eu de boca no seu pau e ele lambendo o meu rabo. Áí a transa já tava certa, começamos a trepar como homem e mulher, ele muito carinhoso e eu muito safadinha, levei 3 camisinhas, creme não precisou, meu cú estava muito molhadinho, fizemos de 4, frango assado, de cavalinho por cima, resumo, foi uma delícia. Gozamos 3 vezes. Ele acabou ficando 45 minutos no lanche, a sorte que ninguém percebeu sua ausência.



Depois, nás marcamos um replay, uns dois dias depois, foi foda de novo, peguei outra calcinha da minha mãe, e trepamos gostoso. Não teve jeito, virei a amante do coroa, durante 3 anos, ia lá no prédio pelo menos 2 vezes por semana,. disfarçava bem, até namorada eu tive. Ele montou um amrmarinho pra mim, com baby dolls, calcinhas, shortinhos, cremes, etc........foi um caso delicioso, fiquei apaixonado por ele e ele por mim. Adorava quando ele falava assim pra mim,



- "Seu pai nem imagina o filho putinha que tem em casa !!!!!



Quem quiser pode me mandar e-mail, [email protected], sou discreto e adoraria viver uma hisária assim novamente.





VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


ver homens bem-dotados sendo castradoscomendo a tia que esta olhando pela janelaTenho 60 anos e minha bunda ta se mais contosnifetasafadagostosacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos comiminha primaContos erotico eu e minha tia no jogo da garrafapapai me comeu contos eróticosfudendo a sobrinha rapidiho no quintalcontos gay bebado paicontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos minha buceta aregacada entregou que traiconto erotico dividindo o quarto com meu cunhadopriminho tesudinhoxvideo zoofilia mulher da a bucetinha apoiada no cavaleteContos de incesto de meninas de 14 aninhos em Belém do Parágay chupador de sete lagoascontos de mulheres ninfomaniaca por sexoCONTOS EROTICOS REAIS EM VITORIA EScontos eroticos arrombando a gordaContos eroticos bundudameu filho xerou meu cucontos ela me descobriutava me masturbando e meu namorado chego e me chupoucontos eroticos paulo e bruna parte 2contos de coroa com novinhoContos vovô pegando peitinho da netagritando e pedindo pra nao botar pois doi pra nao perde o cabacocontos eroticos mulher casada se evconto minha esposa nudista em familiaCasados putinhos contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentefudendo a boca da namorada/contos eróticoscontos eroticos com meninoconto primeira suruba com minha esposaconto erótico sobrinha. bem novinha fica esfrgando no colo do tio sem calcinhaporno doido sumindo um emorme prinquedo na pusetapaugrossocontoseroticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos vestido coladocontos eroticos eu e minha cunhada pintando o apartamentoaposta vestido de mulher contocontos eroticos apanhandoporno baixar caralhogrossos desenho de deus contos eróticostravesti me rasgou contos eroticoscontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosconto gay sai da urgia acabadacontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos Minha namorada me contou como perdeu a virgindade com seu ex e fiquei exitadofudendo a sobrinha contossou casada vi o meu vizinho na punhetafodacommeucunhadocontos eroticos na infanciacontos eróticos gay lambendo o cu do macho heterodoeu meu cu entreu a maocontos erotico gozei como uma puta velhanao tira papai deixa que eu vo gozarLóira safada narra conto metendo na coberturaComtos casadas fodidas pelo patraocontos erotcos sonhos compapaicontos eroticos curiosacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos papai socou tudo no cu da filha ela se cagoucheguei em casa e peguei meu amigo comendo meu primosexe conto minha fia mideo o cu por 1.00 reaucontos eroticos estuprosBucetas grandes fog lp ivideoo porno da bundona de chorte de burmicontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto eroticos meu filho mecomeu dormindoconto erótico velho fode viadinhoconto o sarado e a gordinhaContos eroticos gay timido gatocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteamigo hetero contocontos erotikos menina de menor dando o cu a troco de balacontos de sexo sogrotrepo com a enteada dormindovai dar rolê tudo gordona aí tudo mulher gorda só de biquíni bem gordona da bundona bem gorda da bundonaConto minha mulher santinharelatos eroticosde portuguesas de noVinhascontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto gay flagrei meu pai massageando o cucontos ta doendo papaichapuleta inchada no cuzinho Scu do sobrinho menor contos eróticosconto de casada com descendente de japones que traiu com um bem dotado