Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PIRALHA VIRA GATA

Chegando da praia pra ir pro colégio, o elevador de serviço estava ocupado com uma mudança. Uma garota abraçada com um ursinho tomava conta de umas malas.

-aí eu falei: é sua essa mudança?

-é sim.respondeu.

-e eu: pô, que saco é mudança.

eu não tava nem aí, era uma piralha, mas o outro elevador demorou, aí eu falei:

-legal, eu sou do apto tal e se voce precisar de uma internet, coisa assim, pode ir lá.

Falei mais por falar, por que falo a pampa, mas era semana de prova e voltei mais cedo.

nisso to lá teclando e comecei a ouvir um papo, a minha empregada tava na área com uma outra empregada que falava muito alto. o papo era delas mas de repente ela tava contando que tinha vindo com a patroa dela porque a patroa tinha se separado por causa do filho que era "afeminado" e o pai empresario ficou cego de raiva....e por ai vai.

aih, to fazendo umas coisas e juntou a menina com o filho da patroa da empregada. fui na cozinha e perguntei quem era a moça que veio te visitar. Era uma amiga do lugar de onde ela nasceu e por acaso tinha se mudado pro predio naquele dia.

pois é,pois é.

Fiquei num vai e vem até para ver se me desligava e aí dimdom.

a empregada lá de casa sai as 3 e já era 6 horas fui atender e não deu outra era a menina.

toda gracinha, ela é branquinha, falsa magra, cabelos negros pelo ombro, olhos azuis clarinhos. os cabelos molhados ainda. um short fino curto largo e uma camiseta que marcava uns biquinhos. dava pra ver que era uma menina mas não tinha os adereços, brinco, pulseirinha,...

-oi e aí quer entrar?

ela entrou e meio sem saber fui indo pro quarto e o pc tava ligado e fui papeando:

-pois é mudança é uma merda né? e vc veio sozinha pra cá, tem irmão, irmã?

- não, vim com minha mãe, mas ela não pode ficar a semana toda por ter que trabalhar no interior.

- aí eu falei: voce está em que série?

- sexta, mas não sei se vou encontrar uma escola agora no meio do ano.

a voz da gatinha era doce e achei que era outra coisa.

aí eu falei

-meu nome é Eduardo eu tô na segunda do segundo grau e aí qual é o seu nome?

- bem é Vitário, mas é claro que vai me chamar de Vivi.ok?

Fiquei naquela que nem babaca ouvindo por uns minutos.

-Vivi,voce é muito bonitinha, depois quero dar umas voltas com voce.

nisso o celular dela tocou, era a mae dela procurando e ela foi embora.

aí disse assim -vem amanha as 3. dei uma dica de um colegio aberto para a mae dela consultar.

no dia seguinte enxotei a empregada e esperei um pouco e a campainha tocou.

era a Vivi, agora com um calça jeans camiseta curta. reparei a calcinha que ela usava, era uma pequena. tambem tinha peitinho, a bunda maior que os ombros, era muito gatinha, incrivel.

no condominio dava pra contar numa mão as gatinhas como ela.

ela chegou contando que a mae havia adorado o colegio que eu havia indicado e que iria estudar lá, toda falante.

deixei passar a lance e perguntei sobre ela.

ela falou que ela sempre foi assim, que na verdade a mãe havia morrido no parto dela, a mae morava numa fazenda e não teve assistencia no parto. Quem a criou foi a tia que ela chama de mãe. herdou uma grana da mãe e que o pai administra com as suas outras coisas mas que estão brigados e que ele ficou doente.

contou tudo assim.

pediu água e fomos na cozinha, a bundinha balançando ao lavar o copo deu tesao.

voltamos para o quarto e falei que era uma bebezinha e que eu não entendia.

-ela contou que a tia a tratava como as primas, e como era a mais nova herdava umas roupas, pegava e comprava mesmo. junto com isso tudo contou que quando ia comprar anticoncepcional para as primas comprava pra ela tb. Por isso estava ficando mocinha.

fui no computador e como nao tinha outra cadeira ela veio e sentou na minha perna e deixei ela olhar os e-mails dela. as cochas deliciosas. o rego da bundinha lindo. toda cheirosa.

comecei a apalpar a bundinha a barriga e num minuto ela estava de calcinha e eu pelado.

o caralho duro. dei aquela sarrada na bundinha dela e ela ficou batendo uma punheta e me beijando. a hora voou. o celular tocou e ela teve que ir pra casa.

no dia seguinte ela trouxe uma sacolinha com camisinha e ky, foi um tesao ver uma gatinha de peitinho e bundinha, coxa maravilhosa, quase que sem resistir comi ela em pé primeiro de tanto tesao. foi muita foda naquele cuzinho. falei que ela devia trocar a empregada faladeira e colocar uma que nao soubesse de nada, que ela começasse sem passado.

Procurasse um médico para continuar a se hormonizar.

Eu que sempre fui na minha, apresento como Vivi, e cuido do material. e é sá alegria, sair, levar ela pra comprar roupa, fuder muito, hoje minha piralha é uma gata.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos arrombando a gordaempinoi o cu e levou rrolastezões hentaibaixa vidio mulher esfrega buceta na boca homem e solta porra na barriga deleminha filha veridicofofinha putaria goiania contosfiz sexo com meu padrasto contoscontos incestos dividindo o filhocontos eróticos gay esfregacao entre pai e filhoContos erodicos comi o cu de meu sogro corno vestido de mulhercontos eroticos sou bbw e meu sobrinho me comeuConto enteada nao aguentou tudocontos eroticos traindo o marido com pivetesConto mete tudo papaicontos eroticos homens que usam calcinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos erroticos meu sogro bem dotado arronbo meucontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos fingi que dormia e comi minha filhacantos eroticos meu filho bêbado eu a proveiteiconto porno-minha mae e minha avocontos erotico comendo eguahistorias de transascom orgias inesqueciveisMeu primo me convenceu a mostra meu pau para eledando/o cabaço pro titio conto exitantehomem de calcinha enrabadocontos sexo minha mulher e o coroadar conto heterocontos de filhos chera causinhasvídeos de sexo com mulher da b***** bem chorona e o cubo empinadinho bem durinhoconto erotico com sadomasoquista cinto de castidadeporno adivogada trepa com criericontos e relatos real de peitudascontos marido jogandocontos erotico papai vai cabercontos pornô de incesto a mamãe gritou igual uma puta quando enfiei o meu pauzao na sua bucetinha cabeludacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto comeu a namorada e a sograContos eroticos padrasto.. Febrecontos eroticos vestido colado e curtoconto praia de nudismo com a esposa continuaContos eroticos tatuagem da esposaencoxadas nos blocos do carnaval contoscontos de coroa com novinhorelatos eroticos minha sobrinha Joanacontos eróticos funcionáriaLuizinho meninos novinhos um transando com outro pela primeira vez de dois primos transando comSou casada fui pra um acampamento com os colegas a amigas putasrelatos contossexo menininhas 9 aninhosaquela pessoa pirocuda da salacontos de esposa dando pro cunhadoconto erotico dotado fortão acabando com a novinha casada e safadarelatos comi o traveco na marraconto erotico eu estava tao bebada que nem sei quem me comeu me encheu meu utero de porracontos eróticos vendadap*** da bunda grande deixando seu c* todo arrombado com peito bem grandeContoseroticosnafazendaconto erotico broxei outro comeuconto erótico meu genro me transformou em p***travestis comeu o cu virgem da evangelica,contos eroticoso travesti apertou os meus mamilos e me comeurelatos de cornos meu tio Rui comeu minha esposa na minha frenteveio ate meu quarto pelada e me agsrrouContos ela deixou comer o cu delaContos heroticos esposa quer muitas picasPorno pesado gordao arromba magrinha pono doidoquero ver o filme de pornô a mulher metendo o Cascão na gemendo gemendocontos fiquei de mal e transei com meu sogroconto erotico calcinha fio dentalmeu amigo me deu a sua esposa contoseu conto sou casado meu cunhado fica passando um pau em mimconto iroticos comedo minha entiada novinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteeu i a neguingo do pornoNo cuzinho desde pequenacontos eroticos morena gostosa malhadacontos empurrando no rabo tia martacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos de coroa com novinhoquero ser corno contospono gay. de homens taxetamedica seduzidapor lesbica historiascontos comadres lesbicasconto de mulher transando com meninos novinhosContos.eroticos..de.incesto.no.dia.decasara minha primeira vez com sexo canino contoscontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos dando o cu mais que xuxucontos exitantes fudi amadrinha da minha primaImagem Carla danada na zoofoliacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteCasada narra conto dando o cuo carteiro me pego com roupas femininas gayContos eroticos boquete com detalhescontos porno dei boa noite cinderela para meus pais e comi minha maeeu minha esposa demos carona o cara era um pintudo