Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SEM SABER DEI UNS AMASSOS NUM TRAVESTI NO SHOPPING

Escrevo sobre uma histária que aconteceu comigo há 5 anos e que sá agora, depois de pensar muito no ocorrido (e muito lamentar) e depois de ler outros relatos, tenho coragem de contar. Meu nome é Jaime (fictício), tinha 30 anos quando rolou esta histária e fazia o tipo ‘comedorÂ’: bonito, cheiroso, bem vestido, boa conversa... na época eu frequentava muito o Shopping Paulista (morava lá perto), principalmente para observar as mulheres e paquerar. Numa destas tardes, vejo uma morena muito gostosa olhando as vitrines, vestida de forma provocante: calça jeans justa e blusinha colada no corpo, realçando o formato dos seios. Na hora fiquei louco: meu coração acelerou, fiquei de pau duro, super nervoso, morrendo de vontade de falar com ela. Segui ela por um corredor do shopping, chegando meio perto, até ela reparar em mim. Ela me viu mas fingiu que não, e seguiu andando, agora de forma mais sensual. Não aguentei, fui falar com ela. Ela me disse que se chamava Fernanda e a princípio achei ela um pouco tímida. Seu rosto delicado jamais me faria suspeitar de que se tratava de um travesti. Mas durante a nossa conversa fiz questão de deixar claro meu tesão por ela: enquanto ela falava, olhava descaradamente para seus seios e para a sua buceta (mal sabia eu...) Aos poucos, percebendo o meu tesão por ela, Fernanda foi fazendo carinha de safada, tornando-se mais simpática e receptiva (meu pau ficou mais duro ainda!) Fiquei morrendo de vontade de dar uns amassos naquela gata deliciosa. Convidei ela para ir ao cinema do shopping e ela aceitou. Na fila deixei ela na minha frente num hora em que o papo acabou e ela se virou para a frente eu dei uma encoxada nela de leve. Ela não sá deixou, como pegou meus braços e colocou em volta dela, como se fássemos um casal de namorados. Colei meu rosto ao lado do dela e dei uns beijos em seu rosto e em sua orelha. Tentei beijar a sua boca e ela não deixou. Fiquei frustrado, e ela disse para eu esperar o filme começar. Sentamos lá atrás, na última fileira do cinema. Mal o filme começou, fui aproximando meu rosto do dela, fui dizendo umas coisas quase encostando meus lábio nos dela, até que ela mesma se aproximou e começou a me dar um beijo gostoso de língua. Nossa! Foi um dos melhores amassos que eu já dei na minha vida: beijava sua boca e pescoço, ela retribuía sugando minha língua, lambendo meu pescoço, eu passava a mão nos peitos dela por cima da blusa. O melhor é que a gente não tinha pressa: ficamos cerca de uma hora sá curtindo o amasso, os beijos tesudos como de um casal de apaixonados. Mas toda vez que eu tentava passar a mão na buceta dela (por cima da calça), ela não deixava, tirava a minha mão e ficava brava. De tanto insistir ela parou e falou que se eu continuasse a tentar ela ia embora. Eu, como não sou bobo, deixei pra lá. Eu sá sei que a gente estava tão concentrado no amasso que sá depois de uma hora de filme eu me dei conta de um senhor que estava na fileira da frente da nossa, umas 4 cadeiras de distância ao lado da Fernanda e ele ficava descaradamente de cabeça para trás, se deliciando com o nosso amasso. Quando vi isso fiquei meio paralisado. A Fernanda, sacando a situação, em vez de ficar constrangida, ficou mais safada: - Vamos deixar esse puto morrendo de vontade... o começou a me beijar mais ostensivamente, exibindo-se para ele e começou a alisar o meu pau por fora da calça. Aquilo me deu mais tesão ainda e comecei a entrar na viagem, a bolinar a Fernanda com mais safadeza, ela era bolinada e ficava olhando para ele, até que o cara tenta sentar ao lado dela. Daí eu não gostei e fomos embora dali. Pegamos o carro no estacionamento e estacionamos numa rua escura, onde não passava quase ninguém. Fui pra cima dela de novo: beijava sua boca e o pescoço. Baixei as alças de sua blusa e comecei a mamar gostoso nos peitos dela, ela gemia e me chamava de safado, perguntava se eu saía com mulheres tão gostosas quanto ela etc. Reclinei o banco dela e deitei em cima dela, num roça roça que eu estava quase gozando. Depois ela tirou meu pau para fora e chupou o meu pau como nenhuma mulher tinha feito antes, com muita safadeza. Bom daí quando eu tentei pegar na buceta dela por cima da calça e ela não ofereceu mais resistência tomei um susto: em vez de buceta, peguei num pau duro. Meu pau ficou mole, parei na hora e ela contou que era um travesti. Ela me disse que queria me contar, mas esperou até a última hora porque estava adorando aquele sarro comigo, estava sentindo o maior tesão por ser confundida com uma mulher, que estava sentindo tesão em me enganar e não queria cortar o clima. Agora confesso que quando ela falou isso meu pau ficou duro como uma pedra. Mas na época eu era muito preconceituoso e xinguei ela, pedi para ela descer do carro imediatamente. Como fui idiota! Nos meses seguintes não parava de pensar naquela gata tesuda que tive em meus braços, nos beijos gostosos que ela me deu, na maneira como eu passei a mão em todo o seu corpo... sentimentos de culpa, pecado e tesão se misturavam em minha cabeça, mas fiquei com um tesão louco por travestis... Voltei várias vezes ao mesmo shopping, em vários horários, mas nunca mais a encontrei. Um vez estava olhando sites de travestis na Internet e não acreditei: vi diversas fotos da Fernanda nua, percebi como um monte de tlovers baba, faz declarações de amor a ela, diz nos posts que adorariam dar uns amassos nela e eu, que estava com a gata da forma mais espontânea possível, isto é, fora do esquema da grana dos programas, deixei a oportunidade passar por causa de uma mentalidade cristã, machista e babaca. Sonho em encontrar de novo a Fernanda numa situação como aquela: de dia, num shopping, num parque, num barzinho, e aí não vou deixar a oportunidade passar.





VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Conto porno com a filha halana luize novinhacontos erotikos fui pagar o aluguel e comi o cu da dona    dei o cu no campig homoxesuaismeu chefe me chupouminha esposa faz questao que eu veja ela com outro em nossa cama e depois chupe ela toda esporrada videoscú guloso contos reaisPornodoido passistascontos de foder empregadapresidiariocontoseroticosconto erotico viado casadoconto erotico irmã de 16 e a vizinha de 15 tranza com o irmão de17 e goza na buceta das duasconto na praia com minha mae gostosairmazihas safadas locas por sexRelatos eroticos de professoras casadas brancas que foram usadas por alunos negroscontos lésbicas amo minha cunhadacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fui comida feito puta e chingadaEu morava sozinho minha aluna do cursinho ela veio morar comigo ela agora ela e minha mulher conto eroticopornô o homem que nuca viu uma boceta quando viu endoidoucontos eróticos de gay Comi o cuzinho do Pai da minha MADRINHAmae desfilando de calcinha fio dentalconto eritico de eloisafudeno a amanda e nanda duas gostosinha mobileMEU PRIMO SEMPRE ME COMIA 3comtos d primos d 30 cumemdo cusinho d priminhas d 15conto minha mae so me provova e me deicha de pau duroconto porno paicontosvi meu pai e meu irmão fodendotroca casais no acampamentos contos eróticocoroa da buceta amaciada contosconto gay dando ao catadorninfetas com vestidos beijando peitoral dos travestiseu menino e meus três primoscomi minha mae na varanda contosconto mulher casada rabuda dei pedreirovideos de sexo com cintirinhas finas e bundonaContos eróticos gay comi o cu guri pequenovirei amante de meu tio novinha contosminha primeira traiçãocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos mulher e marido duas vadias para um.machoConto erótico meu nome é Lucinda preucupada com a saúde do meu filho comendo mãe e filha contocasa dos contos eroticos de coroascontos eróticos , papai me levou no show e depois tirou minha virgindadeConto leite da tia pornContos eroticos comi meu primo na frente da minha tiacontos minha filha gemia no quarto delacontos eroticos sou casada mais adoro dar a buceta para meu genro porque ele tem um pintao bem grandecontos picante de casada sem calcinhacontos eróticos filho com perna quebradaContos eronticos vendo novela tietacontos erotico traindo maridocontos eroticos espermacontos eroticos minha espos chifruda dormindopegado carona um casal com camionero contos eroticolavar xoxotinha contocontos eroticos meu cunhado de cuecacontos de corno acampandocontos eroticos entre filha e pai encoxando dentro do onibus cheiocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto viúva fogosacotos meu e pousodo vaì mete na baceta da sua tia tabem contos minha esposa chupa como nimguemcontos eroticos, ele me humilha me bate me xingaChantageei minha tia escrava lesbica contomulher passa muita margarina no proprio cucontos eroticos de incesto: viajando com a mamae popozudaquero ver bundas gostosas e peitossa e peitoscache:R-bg7J8nF7YJ:https://mozhaiskiy-mos.ru/m/conto_14382_mamae-velha-mais-bucetuda.html