Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TIO PEDRO ARROMBOU O CU DA MINHA NOIVA

Meu nome é Alex, e o episádio que passo a relatar aconteceu quando era noivo de Karina.



Todos os anos reuniamos a familia em uma festa tipo confraternização de fim de ano, vinham parentes de todas as bandas do país, tios, sobrinhas, primas, mas um era especial, Tio Pedro (hoje já falecido), 48 anos, jamais se casou, enquanto vivo curtia a vida a mil, e meu pai sempre contava as façanhas dele tipo "mulher para das para ele tinha que não ter amor na buceta"..."mulher para dar pra ele tinha que ser corajosa", e que tinha fama de comedor de cu quando queria comer uma mulher ele insistia e mais cedo ou mais tarde passava a vara.



Tio pedro na verdade era um palhaço, descontraido, contador de piadas, animava a todas e logo a festa virava uma farra, xavequeiro de marca maior.



Meu tio, era alto, braços fortes, aposentado pela policial militar, pele bronzeado pelo sol do Rio de Janeiro, chegou na numa manhã de sábados e logo partimos todos para o sitio de meus pais, onde passariamos o fim de semana sá festando.



Quando apresentei minha noiva a ele, já fiquei com a pulga atrás da orelha, a chamou de encantadora e beijou sua mão, se referiando a mim disse que eu tinha acertado na loteria, insinuando que minha noiva era um avião, por outro lado modéstia parte ele não disse nenhuma mentira, Karina era e é deslumbrante, na época com seus 20 anos de idade, um corpo escultural, cara de menina e jeito de mulher, além de ser bem safadinha e provocativa na cama, os homens viviam babando por ela, mas fazer o que né.



O safado do velho dançava com toda mulherada, mas com minha noiva percebi que era mais insinuante, grudava no corpo dela e cochichava algo em seu ouvido.



Karina estava um tesão aquele dia, uma bermudinha jeans bem apertada, delineando suas curvas perfeitas, como estava na piscina a manhã toda, estava com a parte de cima do biquini cobrindo seus pequenos e deliciosos seios.



Já passava da meia noite e todos já estavam bem altos, efeito da cerveja, inclusive minha noiva que não tem o habito de beber muito, alguns tios já haviam se recolhido para dormir, mas Tio Pedro estava firme xavecando e azarando minha noiva, confesso que fiquei louco da vida, mas não queria arrumar um barraco na presença de todos.



Meu pai me pediu para ajuda-lo a abastecer um freezer com cerveja para que estivessem trincando de geladas no outro dia, foi o tempo de me descuidar e percebi que os dois haviam sumido, pronto...tô ferrado...pensei eu já ressaviado pela fama de comedor do safado do meu tio.



Fui perguntando a alguns se havia visto minha noiva, até que um primo me disse que tinha visto ela ir ao banheiro, fiquei mais aliviado, mas mesmo assim fui conferir, procurei em dois banheiros e nada, pela casa toda e nada, sá faltava no quarto da empregada que ficava nos fundos, a luz estava acesa, fui até a porta e quando ia abrir ouvi como que uma pessoa engasgando, fui sorrateiramente até a janela e presenciei um fato que me deixou com as pernas bambas, Karina estava ajoelhada, com seus seios á mostra e com o enorme cacete do meu tio atochado na boca, snti vontade de matar os dois ali, mas não sei porque desisti da idêia, ela estava totalmente bêbada e o desgraçado se aproveitou:



---Chupa sua cadela...chupa...que eu vou estufar sua boca de pôrra!!! exclamava ele se delicando com o boquete que sá minha noiva sabia fazer.



Não demorou e gozou, um tanto dentro da boca dela e outro tanto esporrou nos seios dela a melecando toda, a safadinha engoliu a porra e continuou a chupar aquela pirocona até deixalo limpinho.



Sai dali puto da cara e com o pau duro, corno manso, depressa retornaram para a festa, primeiro ela e depois ele, me contive, e conversaria com ela no outro dia, de raiva, enchi a cara, fiquei tri-bêbado.



Acordei no outro dia com uma ressaca do cão, procurei por minha noiva e fui informado que ela havia saido para cavalgar com meu tio, não acreditei no que ouvi, arreei um cavalo e sai á procura deles, procurei pelo pasto, num bosque, e quando cheguei práximo a um pequeno riacho ouvi o choro de Karina, saltei do cavalo e fiquei atrás de alguns arbustos, Karina estava peladinha, de quatro e Tio Pedro socava a vara no cu dela:



---Aiiiiiiiiiiiiii...ta doendo...vai mais devagar...aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!!! exclamava ela com uma baita dor no cu!!!



....Cala boca sua piranha.. que eu tô quase gozando!!!!



A safada reclamava que estava doendo mas rebolava e empinava o rabo para ele enterrar mais fundo, sua barriga batia na bunda dela e fazia barulho, sua bolas explodiam em sua buceta:



---Vai,,,goza logo seu filha da puta..gozaaaaaa!!!!Aiiiii aiiiiiiiiiiiii...tô gozandooooooooooooo...mee no meu cu meteeeeeeeee!!!!



A desgraçada estava gozando pelo cu, esse que pensei ser proprietário...ele acelerou e começou a gozar, enchendo o rabicá dela com seu esperma, ficou engatado nela por algum minuto e depois foi tirando devagar, fiquei impressionado, aquela cobra não parava de sair da bunda da minha noiva e quando saiu ela se debruçou no chão toda suada e cansada, Tio Pedro caminhou até o Riacho com aquele enorme pau amolecido e todo sujo de merda e pulou no riacho para se refrescar, Karina se levantou e foi andando com certa dificuldade reclamando que ele havia arregaçado com o cu dela.



Voltei para a festa, arrumei minhas coisas e voltei para minha casa, mesmo estando loucamente apaixonado, rompi meu noivado com ela, pois com certeza eu já era corno a muito tempo e não sabia.



[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erótico filha da empregadacontos usando plug o dia todo e anel no sacocont erot calcinha floxa da meninaeu e meu marido aceitamos carona de uns estranhos e acabei sendo fodida contosmoça vai a fazenda trepar com capataz bem dotadoEu tirei o cabaço da buceta da minha filha eu fiz um plano com ela era pra ela arranjar um namorado no colegio dela pra ela levar ele em casa pra ela fazer ele fuder a buceta dela pra ele achar que a buceta dela era cabaço conto eroticoconto erotico mulher deu buceta para mendigogarotinhas da bunda grandecontos perdendo a virgindade dormindomeu chefe me chupouvizinho casado comeu minha buceta/contocontos eroticos meu primo mauricinholésbicas castigando o rabo da parceriaconto chupador de peitoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteLóira safada narra conto metendo na coberturaconto eRotico os piralhoS m comeraoconto minha irmao feis um boquete praminconto de sexo sobrinha galinha parte 2contos eroticos comendo a coroa virgem de saiacontos de Huum Pauzao papai ..ai mete vaimeti no cuzinho da minha filha novinha de seis anos contotesao em apanhar de havaianas contosdirigindo sem calcinha contoscontos freirinhatroca casais no acampamentos contos eróticoo caminhoneiro me fudeu a força contos eroticoscomi o padreCONTOS EROTICOS DE CASADAS ABUSADAS DA CHANTAGEMbucetuda goza ate travarxvidiofodendo entisdaContos dois na minha mulherAssalto e arrombamento contos eroticosContos erótics so de gang bang e so com homems pauzudosgay chupador de sete lagoascontos porno sou putinha pra minha mae no puteiro da familiaconto cunhada e sogra safadinhaconto erotico bebado estranho me comeu no becocontos de coroa com novinhodei minha buceta para os amigo do meu filho contos eroticocontos mulher e marido duas vadias para um.machoconto erotico da mulher de nome cris que gosta de varios cacetes e fez festa pra comemorar o casamentoNegão dotados contoseróticosContos comeu o cu virgem day minhamulher So sadomasoquismo com maridos ciumentos contos eroticosmulher dismaia na pica do mindigohomen em purra seus ovos no cu de brunadoutor esporreando muito no travedticonto de sogra dando para genrocontos eróticos na saída do paredão comendo c* virgemcontos eroticos de meninas que ja perdram a virgindadedando/o cabaço pro titio conto exitanteEu e minha Mãe Cabaço contosa cunhada mais nova pede para o seu cunhado gozar em sua boca tem RNA tomar galarelatos eroticos dando caronaconto erotucos eu esoosa e familia nuscontos eroticos de mulher com travesticonto erotico chupeteiro do cine pornominha mulher já deu pra todo mundo contosescravo conta como leva sua dona ao gozo com a língua na bucetaprono irmão comeno a irman branquinho cabelo pretoContos eroticos da mamae gostosa e filhoNo cuzinho desde pequenacontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscontos de vizinhasmeu professor meu namorado contos gaycontos eroticos marido foi trabalhar e meu sobrinho me pegou no banhoMe Faz um Cafuné conto gaycontos eróticos traindo com meu sobrinhopassagem erótica eu vou a loira gostosona na f*** boacontos eróticos funcionáriacontos/ morena com rabo fogosocontos eroticos com afilhadascontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos dexei minha mulhe tomando no cu na minha frentecontos eroticos arrombando a gorda